Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

FICA DIFÍCIL FALAR DE AMOR

Ver vídeo com esse texto narrado no Youtube
http://www.youtube.com/watch?v=xHVpZdNqHsE

Fica difícil falar de amor
Sem escancarar a alma e sangrar até esvair-se toda num sangue sujo e mal cheiroso.
Não poderia falar de um amor romântico porque na verdade nunca vivi isso. Vivi amor de dor e sofrimento de amar. Onde o medo maior era justamente não conseguir estancar o sangue da alma.
Esse sim...é duro de ver jorrar.
Muita coisa aconteceu pra que minha alma hoje jorre sangue demasiado. Muitos sonhos desfeitos, muitos casos terminados sem ao menos um adeus ou um obrigado deixando em minha cama apenas marcas de uma noite vazia e desprovida de bem querer.
Em quantas camas me deitei ? Sinceramente não sei. Não contei...minha solidão não me dava tempo de contar...só queria amar, só queria tirar de mim esse vazio que consome minha alma e minha sensibilidade me deixando por vezes fria e cruel não acreditando em nada e em ninguém.
Alguns já tentaram me amar, porém sem sucesso, não os deixei chegar muito perto. Fiquei com medo de que perto demais vissem as marcas das torturas sofridas pela vida e se afastassem de mim com nojo pelo que fui e pelo que vivi.
Hoje temo até a mim mesma no espelho, desnuda e de alma nua, vazia que estou do desejo e da sede de amar.
Tenho medo de que hoje essas cicatrizes se transformem em fantasmas que me aniquilaríam em um só golpe.
Me mataríam sem ao menos me dar a chance de pedir clemência...perdão pelas inconsequências.
Hoje vivo escrevendo coisas que queria sentir, viver, ter, ser.
Amores possíveis, alegrias incontidas...rsrs quanta hipocrisia eu conseguindo ser hipócrita comigo mesma, onde fui parar...nas sarjetas das palavras em que insisto em acreditar.
Acreditar que existem amores reais...que podemos ser felizes por completa tola ilusão de poeta de fim de carreira que desperdiçou sua vida tentando ser o que não era: alguém feliz.

Tola poeta que sou...

Tola!

Rosane Silveira
ROSANE SILVEIRA
Enviado por ROSANE SILVEIRA em 17/11/2007
Reeditado em 08/12/2007
Código do texto: T740688
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
ROSANE SILVEIRA
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
232 textos (20304 leituras)
1 áudios (84 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 19/08/17 10:27)
ROSANE SILVEIRA