Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Desculpa

Olha não tenho muito o que escrever,
só uma coisa quero dizer, que apesar, de
vc ter demostrado que me ama muitas vezes, pisava
em sima de você como se fosse um tapete, que vivia aos meus
pés, quero que não guarde rancores, pois não
quero que o passado, justifique o presente.

Me sinto culpada, pois você era meu,
me dava carinho era atencioso, implicante, eu odiava
quando me roubas o beijo, vc era romantico,
diferente, fez pra mim varias declarações,
e sempre eu as esnobei, fiz vc
ser frio, incensivel, inguinorante, sem coração,
te tranformei em uma cuba de gelo, bem que vc
me disse que um dia eu iria implorar pra ter o seu
amor de volta, vc tava certo.

Hoje eu amo, vc mais que as palavras, podem dizer,
sei que agir mal, como dizem, uma patricinha metida,
fui orgulhosa, e não te perdi perdão quando, tinha um pouco
de amor em seu coração.
 
    Desculpa, aprendi a amar só agora, que já não tenho amor.
           Talvez nunca leia está carta, mais mesmo assim
                     eu a escrevo..
Milena Miranda
Enviado por Milena Miranda em 27/11/2007
Reeditado em 27/11/2007
Código do texto: T755103

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Milena Miranda
Salvador - Bahia - Brasil
796 textos (78717 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 16/08/17 19:07)
Milena Miranda