Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

BENESSES DIVINAS

Aqui, as mesmas horas
Meus queridos, como é difícil nesta hora falar da saudade e do sentimento de vazio que tomam minha alma, ou minha vida. À noite mal dormi pensando em vocês e no que poderiam estar fazendo. Senti um gosto amargo invadindo minhas palavras, mas não deixei que o desespero se apoderasse de  mim. Rezei, rezei e com Deus fiz um pacto: Que Ele os ampare e eu não o incomodaria mais. Ele aceitou, com algumas ressalvas, entre elas a de que eu ore, não só por vocês mas também por todos aqueles que tenham passado pelo menos um segundo em minha vida, e isso no mínimo uma vez ao dia em todos os dias de minha vida; depois aconselhou-me sobre a caridade e a fraternidade, ambas feitas com amor verdadeiro e desinteressado de reconhecimento imediato. Disse-me Deus que esse é um investimento a longo prazo, mas que é infalível. Ainda,observou Ele, que eu não devo jamais querer resolver a vida de vocês ou de quem quer que seja, pois, evidenciou Ele que cada um recebeu a sua parte no quesito VIDA e portanto cabe a cada um administrá-lo da melhor maneira, esforçando-se até,pois que se isso acontecer de verdade, acontecerá a HARMONIA entre todos. Mas Deus, parece ter gostado da nossa conversa que insistiu comigo: Não deixe de me procurar, apesar de toda a responsabilidade que me conferem, tenho ótimos colaboradores, entre os quais Meu Filho e Sua Mãe, e uma Legião de Anjos e Santos que cumprem suas funções com zelo de Mães e Pais.E quando Deus acenou para mim, mostrando-me maravilhas e entre elas estão vocês, com um sorriso inigualável conclui: Apareça sempre que quiser... Ah,e jamais pense que me aborrece com suas preces. Me entristeço um pouco com aqueles que não reconhecem o valor da VIDA e da PAZ, que destroem o mundo e as pessoas. Não deixe de vir me ver. E assim pensei que poderia contar a vocês esta experiência e falar que apesar da saudade e da ausência, estou aqui, velando por vocês...
Com todo amor do mundo, Neninha
NENINHA ROCHA
Enviado por NENINHA ROCHA em 27/11/2005
Código do texto: T77044
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
NENINHA ROCHA
Guarapuava - Paraná - Brasil, 56 anos
310 textos (10916 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 14:54)
NENINHA ROCHA