Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Sei que Voltarás

Sei Que Voltarás

Marilda Conceição



Podes partir, meu amor.

Te deixo livre.

Sei que voltarás,

quando no mundo cansares de vagar.

Andarás por caminhos longínquos

em busca de outros amores.

Mas, nos braços de outra,

sentirás o aconchego dos meus braços,

a ternura dos meus abraços.

Quando outra boca beijares,

sentirás dos meus beijos, o sabor.

Porque só eu te beijo com amor.

Quando outro corpo afagares,

sentirás a chama ardente do meu corpo.

Sentirás a carícia do toque suave das minhas mãos.

De corpo, estarás entregue à outra,

mas teu pensamento estará em mim.

Tua alma estará entregue à minha.

Porque almas gêmeas não se separam.

Quando em outro corpo te extasiares de prazer,

desejarás o meu corpo,

que te extasia de amor.

Então de mim sentirás imensa saudade.

Verás que sou o teu amor.

Que sou quem mais te amou.

Sentirás um infindo vazio.

Então, retornarás para comigo viver,

o pleno, verdadeiro e infinito amor.

Em 16/03/2003
 


Ternura

ternuramc@terra.com.br



Podes ir

Vanderli Medeiros



Podes ir, um dia,
terá que voltar.
A saudade de nós
irá te perturbar...
 
Tentará pensar
que foi somente ilusão,
mas, em seu coração,
entrei para ficar;
não foi amor de verão.
 
Podes ir,
Quando se der conta,
o arrependimento
te consumirá...
 
A saudade te perseguirá.
Sentirá o sabor
dos beijos perdidos;
 
O calor
dos abraços esquecidos;
Do amor interrompido...
 
Podes ir,
mesmo sabendo
que voltará,
porque ao meu lado
é o seu lugar.
 
Podes ir,
só não demore
para voltar!

19/03/03

www.vanderlimedeiros.cjb.net



SEGUE TEU CAMINHO

Lêda Mello



Não procurarei reter-te ao meu lado.

Queres ir, vai. Segue o teu caminho.

Prossegue em tua busca infinda

por paixões de chamas efêmeras

que inflamam o corpo, no desejo

e esvaziam a alma, no após.



Segues enganando-te a ti mesmo,

em cada coração que pensas enganar.

Segues traindo-te a ti mesmo,

em cada alma que pensar atraiçoar.



Sentirei saudades de um sonho.

Um sonho que foi unicamente meu.

Via de mão única, de mim para ti.

Sentirei saudades de um amor.

Um amor que foi somente meu.

Sempre no sentido de mim para ti.



É teu desejo, segue. Vai em frente.

A sucessão dos dias é uma grande escola.

Chegará o teu dia da verdade.

Este dia chega para todos nós!

E, então, reverás o passado.

Não te assustes se, com toda clareza,

em toda a sua pureza,

vires o meu rosto te olhar, do ontem.

Não lamentes quando perceberes

como, indiferente, deixaste passar

a tua chance de felicidade.



Tiveste uma pérola em tuas mãos.

Uma pérola rara e valiosa

que só se encontra onde existe

a raridade e o milagre de um amor perfeito.

Nada conheces de pérolas!

Nada conheces do amor!

Não pudeste avaliar o teu tesouro.

Queres ir. Vai! Busca o teu transitório.

Vai. Segue o teu caminho.


20/03/2003

http://www.laurapoesias.com/irmaos_motta_mello/poesias.htm



Vá em frente

Nancy Cobo



Vai não olhe para trás

Não chores, segue tua vida

Sem ter que lembrar

Que eu te amei

Te dei o mais puro sentimento

Te dei vida quando você precisou

Agora vai você já  encontrou

Seu destino

Sua direção

Sua felicidade

Vai e saiba que quando você precisar

Se levantar de novo

Eu estarei aqui

Para te dar a mão e te colocar em pé

novamente,

Vai e não olhe para trás

08/02/2003

Nancy Cobo
Enviado por Nancy Cobo em 19/03/2006
Código do texto: T125264
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Nome do Autor e o Link para www.nancycobo.prosaeverso.net). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Nancy Cobo
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 62 anos
1018 textos (180510 leituras)
4 áudios (1593 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 22:03)
Nancy Cobo