Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ALMA DE POETA
 
 
Sou alma de poeta
que chora solidão,
em noites despertas...
Assim, brota minha inspiração,
sempre de asas abertas...
 
 
 
02/09/2007
 

Anna Peralva
Enviado por Anna Peralva em 02/09/2007
Reeditado em 07/01/2013
Código do texto: T635425
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Anna Peralva
São Gonçalo - Rio de Janeiro - Brasil
1582 textos (61660 leituras)
3 e-livros (572 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 22:37)
Anna Peralva