Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Os sonhos de Jean e Debora. Parte 4.

Como é a fada das flores azuis?
.
.
Por onde começar? Como devo descrevê-la? O que dizer sobre essa tão bela e perfeita fada! Será que devo começar, falando da sua doce forma de sorrir? Ou quem sabe da sua voz, que é tão doce que supera a doçura, de uma perfeita melodia... Será que devo começar pela sua forma tímida de brincar? Ou quem sabe pela forma tão doce, como ela mexe nos cabelos! Não sei mas se eu tentasse à definir, certamente isso seria impossível!
.
.
A fada das flores azuis tem o aroma das mais perfeitas rosas. Essa fada tem um lindo vestido azul, cheio de diamantes. Mas a sua linda coroa se destaca, por ser cheia de pedras preciosas... Essa moça tem uma varinha muito linda mas essa varinha pode ser descrita, como uma rosa azul. Essa fada também anda com uma rosa azul, em sua orelha e o mais engraçado, é que essa rosa nunca murcha! Por isso eu chamo ela de, a moça da varinha, de flor... Mas não devemos esquecer de falar dos seus lindos cabelos azuis, que refletem à linda cor do rio que existe, ao lado da sua casa... Alguns dizem que o cabelo dela só é azul, porque ela é uma fada mas outros dizem que é por causa do rio mas todos concordam, que azul é a sua cor preferida e a cor, que mais combina com ela... Sempre concordamos quando dizemos que ela adora azul, porque até mesmo os seus óculos, são azuis!
.
.
O primeiro e os novos moradores, da cidade!
.
O primeiro morador da cidade conheceu uma bela garota, quando algumas pessoas começaram à habitar a cidade... O primeiro morador se tornou amigo da bela fada, das flores azuis. Ele conseguiu encantar o coração dela e graças à isso, ela começou a escolher as pessoas, pelo que elas representavam e ao chamá-las para à cidade, ela conseguiu ver que dessa forma, tudo poderia mudar, e o seu tão difícil trabalho, poderia enfim acabar! Essa bela moça com o nome de Beatriz, que por todos é chamada de A fada, das flores azuis, tem o costume de passear todos os dias, sempre no mesmo bosque e com o mesmo garoto... Felizmente o que esse garoto planeja pode vim à se tornar realidade mas o destino lhe reserva algo realmente incrível mas incrível a ponto de ser escrito. E é tão belo, que encantaria até mesmo as mais belas estrelas!
.
.
Algum tempo depois, quando já haviam novos moradores, Jean conheceu uma linda moça, que vagava pela cidade, meio boba, sem saber o que fazer e nem sabia, como havia chegado até ali... Ela dizia coisas sem sentido e ficava perguntando à todos, se alguém a conhecia. Mas então, ela viu esse moço andando pela cidade e procurando por uma fada. Ele chegou até essa moça e à ela perguntou: Moça, você viu à fada, das flores azuis? E ela deu muitas gargalhadas e lhe disse: Se eu vi, uma fada? É claro e saio sorrindo... Ele não entendeu muito bem, até mesmo porque todas as pessoas que chegavam na cidade, tinham que ser aceitas pela fada. Mas ela falou de uma forma, como se nunca tivesse visto, ela... Mas ele não ligou para o que essa moça dizia e saio para procurar à fada...
.
.
A ausência da fada, das flores azuis...
.
Algumas pessoas estavam se perguntando o porque uma fada que sempre estava junto das pessoas, lhes dando conselhos, conversando e mostrando como deveriam viver, em harmonia, agora estava ausente... Algumas pessoas começaram a fazer comentários na cidade sobre a ausência da fada mas uma certa moça, começou a fazer piadas, ela dizia que as pessoas eram loucas e que ninguém sabia o que estava falando. Essa moça parecia ser meio boba e muitas pessoas ficaram até chateados com ela pois ela vivia à difamar, a fada que deu a todos um lar, um paraíso, um lugar perfeito para morar!
.
Então algumas pessoas se juntaram e elegeram o primeiro morador, como a voz de todos, como a pessoa que estaria de frente pois ele era o único que vivia junto, com a fada. Algumas pessoas fizeram alguns comentários e com ele conversaram por um certo tempo, falaram sobre essa moça e como representante de todos, ele foi até ela para conversar, sobre essas piadas, que ela vivia fazendo!
.
.
Ele passou um certo tempo procurando aquela moça e quando finalmente à encontrou, lhe chamou e eles começaram à conversar... Ele perguntou, qual era o nome dela e ela lhe disse: O meu nome é Debora mas infelizmente, não sei mais nada sobre mim, acho que nunca vou descobrir, quem eu sou ou quem eu era. E ele perguntou à moça o porque ela vivia fazendo esses comentários sobre a tal "Fada encantada" E ela com um ar de riso, explicou à ele, que fadas não existiam e que isso era apenas uma ilusão, uma fantasia das pessoas e por ela ser muito adulta, ela não acreditava nessas besteiras... Então Jean ficou um pouco confuso e perguntou à moça: Se você fala isso, é porque não conhece à fada, certo? E ela respondeu dizendo: Claro que não... Então ele tentou entender como aquela moça estava na cidade se não conhecia a fada. Então como poderia chegar alguém à uma cidade, que ninguém sabe como chegar até ela, mas ele pensou: Será que ela encontrou a cidade e ao entrar nela, a cidade apagou à sua memória, para que não falasse as pessoas, como chegar até aqui? Isso foi o que ele achou que havia acontecido mas dessa moça, ele se tornou amigo. Ela ainda não acreditava na fada mas felizmente tudo isso iria se tornar, uma história linda e incrível de amor, um romance tão especial e sem-igual, que seria lembrado para sempre!
.
.
.
Um morador estava passeando entre as árvores e em uma árvore ele viu uma mensagem cravada... Ele chamou Jean e mostrou à ele. E ele lhe disse, isso é comum mas quando a nossa fada completar à missão dela, todas essas "Mensagens" serão apagadas das árvores, por isso não se preocupe!
.
.
E mais uma restrição, foi encontrada!
.
.
E essa é, a segunda restrição: Se alguém conseguir te encantar ou te cativar, se alguém conseguir balançar o seu coração, antes que você possa ter todos os habitantes necessários, terás uma penalidade e ela será da seguinte forma: De dia tu serás a fada da cidade, para que possas cumprir à missão mas à noite, se tornarás uma linda moça, que vagará à procura, daquele que balançou o seu coração!
.
De noite de um jeito.
De dia, de outro...
"Até completar à minha missão!"
.
Existiam mais algumas frases após
essas mas essas frases, não conseguimos ler.
"Parece que alguém tentou apagar, essa restrição"
.
.
Jean e a fada das flores azuis!
.
.
Quando o dia amanheceu, pela primeira vez eu pude vê-la acordar... Ela estava deitada em meus ombros e a noite passada, havia sido uma verdadeira honra. Ela sempre se mostrou ser muito dura e fria mas ontem se tornou uma pura menina com sonhos e fantasias... Ela me falou sobre os sonhos que tinha, de encontrar um príncipe, de se tornar pura aos olhos de alguém e de ser tão bem amada, quanto já quis um dia amar alguém. Ela tem sonhos, assim como toda à moça que vive suspirando acordada mas ela é diferente pois o que exala dela, é mais do que sonhos, mais que simples desejos... Essa fada é simplesmente incrível e até estar ao seu lado, já é uma incrível honra. Os outros moradores da cidade já estão comentando pois essa já é a quinta noite, que durmo na casa dela. As pessoas são maldosas mas felizmente, aqui não existem tantas maldades, quanto lá fora!
.
A fada das flores azuis
.
Ele é muito moço e doce. A sua voz parece com o canto dos pássaros e eu acho apaixonante, a forma como ele sonha com uma princesa... Ele sonha em ter muitos filhos mas eu, só queria ter dois... Ainda não conheço ele muito bem mas depois daquela tragédia, acho que ele só deve viver de sonhos e fantasias. Mas eu farei à diferencia, eu serei à diferencia... Sendo amiga ou algo à mais, serei pra ele, um verdadeiro porto seguro!
.
.
Textos, paralelos!
.
A fada das flores azuis ou Debora, a moça apaixonada!
.
.
Ela vai se apaixonar por um Homem um pouco diferente, a doce fada que foi nomeada como Beatriz. Ela ainda não entende muito sobre o amor, ela ainda não o conhece mas sabe que é algo muito bom e forte. Ela ainda se pergunta sobre as coisas fofas que ele faz, sobre a forma como ele age e se isso que ela sente, é amor.
.
Porque se for, ela está perdidamente apaixonada!
.
Mas Debora não terá o desejo de deixar esse "Lindo" Casal viverem felizes e juntos para sempre, pois o que Debora quer, é o que está nas mãos da doce Beatriz... Mas com uma amizade encantadora, ela vai tentar e quem sabe conquistar, aquele tão inocente e sensível poeta!
.
.
.
O primeiro poema, para Debora!
.
.
Tudo começou naquele simples momento.
Tudo começou, como uma piada e com um simples olhar!
Tudo foi muito rápido mas nunca mais, vou esquecer de tudo aquilo.
Porque mesmo que tenha sido rápido, nunca vai sair da minha cabeça!
Porque aquele primeiro momento, será lembrado para sempre!
.
Eu poderia ter te dado, o meu próprio coração...
- Se esse, fosse o caso!
Mas eu também poderia te mostrar
com uma canção, o quanto estava apaixonado!
.
Por esse amor que nós temos, eu daria qualquer coisa mas ao mesmo tempo, todas as coisas. Pois nada e nem ninguém, poderá nos separar até mesmo porque eu te amei, antes mesmo de te tocar, mesmo antes de saber, qual era o propósito ou o que era, o amor!
.
Eu achava que o amor era uma mentira, algo que havia sido criado para machucar ainda mais as pessoas mas com você, eu pude sentir que o amor era uma realidade, que era algo tão belo quanto é falado na poesia... Hoje eu vivo apenas pelo nosso amor, hoje eu tenho uma bela razão, uma bela inspiração, para acreditar no verdadeiro amor. Você é, você se tornou, a minha mais clara resposta, a minha mais verdadeira resposta para à pergunta: Será que o amor, realmente existe? Quando eu perguntava, pensava que nunca iria saber à resposta mas felizmente, eu te conheci... E quanto mais o tempo passava mais eu ia me aproximando da fantasia e fugindo da realidade, quanto mais eu te conhecia mais tinha certeza, de que o amor realmente existia... E a partir de agora e enquanto eu viver, vou te amar, vou te dar inspiração, vou ser o teu príncipe e o único que te fará as mais belas declarações. Te mostrarei as mais doces melodias e por todos os meus dias, te amarei da forma mais firme e intensa possível...

Minha futura Debora, isso eu te prometo!
Jean Frases
Enviado por Jean Frases em 14/03/2017
Reeditado em 03/07/2017
Código do texto: T5940478
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Jean.Frases). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jean Frases
Jaboatão dos Guararapes - Pernambuco - Brasil
533 textos (6370 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/10/17 11:52)
Jean Frases