Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O nome da moça intocável do ônibus!

Eu acordei muito feliz e esperançoso, não sei o que irá acontecer hoje mas espero que tudo possa se tornar ainda melhor do que já está, nessa bela segunda-feira, 10 horas da manhã, ainda estou na minha cama, o meu final de semana foi uma tortura, eu não poderia imaginar que passar o fim de semana pensando em uma garota, seria tão difícil assim... Eu não sei o que essa história ainda me reserva mas espero que ela possa ser um lindo conto encantado, quem sabe um conto perfeito de amor, mas essa história também poderia ser um romance muito complicado, porque essa história só precisa de uma coisa, é a única coisa necessária e é o que fará essa história ser perfeita..
.
"Um felizes para sempre, no final!"
.
.
Felizmente o fim de semana acabou...
A bela e incrível segunda-feira trouxe o sol...
Enfim poderei tê-la, ou quem sabe conhecê-la melhor...
Apenas o dia, apenas a noite, apenas o tempo; irá dizer tudo!
.
.
Eu sei que um dia como hoje ainda irá ser narrado em alguma história de amor, um dia como esse ainda será contado às pessoas como o dia mais incrível da vida de alguma moça ou quem sabe de algum rapaz, mas esse dia será narrado como o dia que eles irão encontrar; o verdadeiro amor!
.
.
Então cheguei no curso, assim que eu cheguei a bela moça intocável estava na sala, ao seu lado tinha uma cadeira vaga e eu fui até ela e me sentei, a sua bolsa estava na cadeira e assim que pude chegar bem perto, ela à tirou e me permitiu sentar; bem ao seu lado. Eu dei um breve sorriso, de felicidade é claro, porque eu ficaria colado, eu estaria ao seu lado, durante toda aula; ao lado da moça intocável!
.
.
Não sei o porque mas ela me perguntou várias coisas durante à aula, mesmo ela sendo a melhor aluna da nossa classe, eu sei que isso não deveria acontecer até mesmo porque, sou um dos piores alunos da nossa turma mas tudo o que ela me perguntou, eu sabia como responder e ainda expliquei algo à mais, eu estava tão contente, eu estava tão feliz, que não poderia mais sair do lado dela...
.
.
Infelizmente as amigas dela chegaram e se sentaram bem ao nosso lado, ela parou de falar comigo mas eu já estava muito satisfeito, pois eu sentia no peito, faíscas de emoção, não sei se é bom ou não mas eu estava morrendo, morrendo de amor e de paixão; por ela. Então o sino tocou, estava na hora do intervalo, ela segurou a minha mão bem forte e me chamou para ir à um certo lugar com ela, eu fiquei vermelho, eu estava bem envergonhado mas eu fui com ela... Ela estava segurando a minha mão, até parecia que ela não queria me soltar de jeito nem um, nós saímos para um lugar bem perto, ela me disse que queria comprar algo no mercado e que queria ir comigo, os meus amigos viram o que estava acontecendo mas felizmente, eles não falaram nada, a gente foi lá mas antes de chegar no mercado, ela parou e me olhou, eu comecei à sorrir e lhe perguntei o que estava acontecendo, e ela me disse que queria saber mas bem rápido, muito rápido mesmo; o porque eu gostava dela...
.
.
Eu não sei se isso foi premeditado...
Não sei se ela estava sonhando com isso...
E também não sei, se foi apenas um belo acaso...
Mas sei que estava à frente dela, da moça intocável...
- E que teria que me declarar, olhando para os seus olhos!
.
.
Eu respirei fundo, fechei os olhos bem devagar, pensei no que iria falar mas quando fui falar, ela simplesmente me disse que não queria que eu pensasse em nada, me disse que eu não deveria dizer as melhores palavras ou que deveria selecionar o que iria dizer à ela, e ela me disse assim: Deixe que saía do seu coração, fale com emoção, eu quero sentir na sua voz, o quanto você sonha com o nosso tal; perfeito conto de fadas!
.
Com isso ela me inspirou rapidamente...
Então mudei à situação, e comecei à controlá-la!
.
.
Então segurei forte as suas mãos e fiquei à sua frente... E antes que ela pudesse falar mais alguma coisa, eu lhe disse para não falar mais nada... Eu fui até o seu rosto e então beijei as suas bochechas e após isso, dei um beijo em sua testa, então lhe pedi que tivesse bastante calma... E então, enfim; eu comecei à me declarar!
.
A minha declaração!
.
Eu não acreditava em amor a primeira vista, nunca acreditei que histórias de amor poderiam acontecer assim, eu pensava que essas coisas eram apenas lindas ficções criadas por loucos, loucos que precisavam tanto encontrar em suas escritas o que sonhavam, que acabavam criando ainda mais histórias e assim nasciam lindos contos de fadas, contos que no futuro se tornariam à inspiração das crianças para criarem ainda mais histórias, mas eu não sei se você ainda se lembra de como foi o nosso primeiro encontro, de como foi o primeiro dia que você me viu, não sei se você ainda se lembra mas naquele dia, você me olhou de uma forma tão intensa, que eu irei viver todos os meus próximos anos de vida, e nunca irei me esquecer daquele olhar, daquele nosso momento, da forma como você me mostrou que a perfeição existia; e que estava em você... Estampada em sua face, no seu sorriso, na sua beleza, nos seus lindos cachos mas principalmente, nos seus lindos e perfeitos olhos... Eu só poderia dizer que te amo, pois palavras não poderiam expressar tudo isso que eu sinto por você, mas se quiser posso tentar dizer o quanto estou apaixonado mas certamente não existirá tempo suficiente para isso, até mesmo porque, eu não viverei eternamente!
.
.
Falei de coração, ela parecia ter ficado bem feliz, eu até dei um sorriso; ao enxugar uma lágrima que caiu dos seus olhos...
.
Mas acho que os seus olhos ficaram ainda mais lindos, assim que ficaram molhados; pelas suas preciosas lágrimas!
.
Os seus belos cílios molhados, deram um destaque incrível aos seus olhos, eles fizeram a cor dos seus olhos; ficar mais incrível!
.
Isso eu não deveria dizer... Mas assim que eu me declarei para ela, assim que as suas lágrimas molharam os seus cílios; ela me beijou!
.
.
Eu não sabia o que fazer, ela fez um bico lindo e sorrindo, pegou na minha mão e a gente foi pra sala, sentamos juntos de novo e passamos o tempo todo conversando, já não queríamos mais saber da aula, já não queríamos mais saber do conteúdo, só queríamos saber, o que o outro estava pensando...
.
Que irônico não? - A aluna mais
exemplar, se apaixonar pelo pior aluno da classe!
.
.
Pela primeira vez, eu e ela foi pegar o ônibus juntos, nós até sentamos um ao lado do outro, fomos juntos até o último lugar, o ônibus parou e nós continuamos conversando, não pegamos um o telefone do outro mas sabíamos que iríamos nos conhecer muito melhor, não perguntamos nada mas assim que ela foi embora, assim que demos as costas, assim que beijei a sua mão e lhe disse que esperaria ansiosamente pela próxima aula, me lembrei de uma coisa, eu estava apaixonado por esse moça; isso já era um fato. Mas eu queria conhecê-la melhor, disso eu tinha certeza.... Porém eu ainda não sabia qual era o nome dela, então eu virei e gritei assim: Meu amor, e ela me olhou...
.
.
Fui até ela, cheguei bem perto dela e lhe perguntei se poderia lhe perguntar uma coisa, e ela sorrindo me disse que sim...
.
Então, fui até o seu ouvido e ofegantemente
sussurrei assim: Qual é o seu nome, minha flor?
.
E ela me disse: O meu nome é Nataly mas por favor, me chame de Nathy, porque eu prefiro ser chamada assim!
.
Eu não perdi tempo, lhe pedi mais um beijo e após beijá-la, lhe disse belas palavras de amor, e então eu me despedi; beijando à sua mão!
.
.
.
Eu cheguei em casa, como se estivesse flutuando...
Parecia que a minha noite, havia passado ao lado de anjos!
Essa foi a noite mais feliz da minha vida...
Certamente não poderia ser melhor!
Mas agora só quero ir dormir...
.
- Quem sabe assim; eu poderei sonhar com ela né.
Mas eu estava muito feliz; para conseguir dormir essa noite!
.
.
.
E essa é a história do rapaz mais tímido possível, de um rapaz que ainda não disse o seu nome mas que acabou de descobrir o nome da sua musa, ela ainda continua sendo intocável mas agora, apenas para os outros garotos...
.
.
Porque desse momento em diante, aparentemente, um
certo garoto; havia conquistado o seu coração!
.
.
Então vamos juntos, à nossa próxima parte...
Título: O primeiro encontro, com a moça intocável.
Jean Frases
Enviado por Jean Frases em 15/07/2017
Reeditado em 06/08/2017
Código do texto: T6055308
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Jean.Frases). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Jean Frases
Jaboatão dos Guararapes - Pernambuco - Brasil
516 textos (5929 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/08/17 17:59)
Jean Frases