Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Meses de Mar

  De dentro do ônibus, deixava para trás a cidade portuária, onde trabalhava. Ainda estava de uniforme, além de não ter havido tempo para trocar, gostava de usá-lo.Quando avistou da janela uma das estátuas da praça, lembrou-se de que não sabia mais o nome dela, e também da época em que escrevia versos. Lembrou-se daquele tempo, em que não corria contra o tempo, mas sim, era impulsionado por ele. Quando tinha pleno domínio do tempo em suas mãos, entre seus dedos finos.

  E mais de dois terços da viagem já haviam passado, quando pensou em tirar caneta e papel da mala para denotar alguns versos. Mas, avenida reta e uniforme confirmava a sua constância, e de repente notou que perdera a espontaneidade e alegria da infância. Não lhe custaria muita energia, nem muito dinheiro, pegar o necessário para organizar suas feições e pensamentos num papel. E chamaria depois, então, aquelas letras e versos, de “poesia”, e poeta novamente seria.

  O certo é que seu coração quase se rompia de saudade. Estes três meses de mar o fizeram enjoar daquela imensidão. Fazia de tempos em tempos estas viagens, e apesar de todas terem a mesma duração, esta última pareceu-lhe longa demais. Sempre gostou do mar, mas detestava ir a praia, sua sede era realmente ir para o alto mar. Gostava mesmo era de ir ao cais e sentir o vento úmido noturno a arrepiar seu corpo magro, o que sempre dizia em seus versos, os mesmos que o tempo lhe tirou.

  Olhou então que já chegava ao destino, de volta a sua casa. Surpreendeu-se então, na entrada, uma igreja evangélica nova do bairro, o qual lhe parecia desconhecido. Desde o embarque pensou em sua esposa. Sua ânsia de vê-la, sua querência de tê-la, o fizeram muito infantil. Estando assim, esperançoso, como quando olhava o mar pensando em seu futuro, com as lágrimas retidas em seus olhos castanhos.
Andrié Silva
Enviado por Andrié Silva em 09/09/2006
Código do texto: T236408

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Andrié Keller ( baadermeinhofblues@hotmail.com ) Brasil - http://www.recantodasletras.com.br/autores/andrie). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Andrié Silva
Salvador - Bahia - Brasil, 27 anos
912 textos (98436 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 06:27)
Andrié Silva