Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ERA UMA VEZ UM MENINO



Corria solto pelas ruas de terra, acima, abaixo, no açude. Brincava livre como o vento, solto, sem tempo, no espaço.

O distrito rural: simples e rústico. Eita vida boa! Buscar macaxeira, tomar leite de vaca. Era a malhada, tão mansinha, deixava a gente apertar os peitos dela e encher o caneco. Um gosto quente, diferente, nem doce ou salgado, gosto de infância.

Cavalo, burro e jumento, em todos a montaria sem sela sem nada. Uma liberdade de subir no animal e correr. Ninguém caía, agarrado na crina, ia longe, chegava perto da estrada e voltava rindo, satisfeito, pleno.

Os anos, estudos na capital, outros interesses: formatura, casamento, profissão.

A acomodação: barriga grande, colesterol, cabelos brancos.

Recordações só em ano de eleição, ainda voto por lá.

Leite, dá azia, nunca mais bebi.
CrisLima
Enviado por CrisLima em 14/09/2006
Código do texto: T239889
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
CrisLima
Caruaru - Pernambuco - Brasil, 44 anos
156 textos (7831 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 04:48)
CrisLima