Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Apólogo dos ratos

- Ratos de pouca fé! Mal podeis ouvir o som dos primeiros relâmpagos de chuvas primaveris e já apontam vossos focinhos aos céus, guinchando histericamente. Por um acaso não sois vós quem dá o exemplo aos homens? Se a água invadir o convés, aí sim: nada mais será feito. Do contrário, deixemos os homens chiarem, e gritemos: homem ao mar!
Assim falou o rato-mor aos seus discípulos depois de acordado de um sonho no qual via as "Novas Terras".
Fabiano Vale
Enviado por Fabiano Vale em 29/09/2005
Reeditado em 13/10/2005
Código do texto: T54858
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fabiano Vale
Ceilândia - Distrito Federal - Brasil
116 textos (13323 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 22:51)