Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Que seja eterno enquanto dure

Casou cedo. Ao marido sempre prestou a maior obediência.
Ele saboreava com prazer essa autoridade. Deixava todo dia a quantia certa para as compras e conferia tudo após o jantar, que era servido na hora e perfeito.
O que dava mais trabalho a ela era limpar o pátio e recolher as goiabas maduras que caiam da árvore favorita do marido.
Um dia ele morreu. Na volta do velório todos vieram confortá-la.
Ela trocou de roupa e cortou a goiabeira.
Ana Mello
Enviado por Ana Mello em 13/10/2005
Código do texto: T59419
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Ana Mello
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 55 anos
142 textos (24289 leituras)
2 e-livros (859 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 16:50)
Ana Mello