Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O AMOR DE JOCASTA


Desde menina, o sonho de Jocasta era ser mãe solteira. De preferência de alguém que amasse.
O tempo foi passando e nada. Arrumava um namorico aqui outro acolá.
Ao completar vinte e seis anos, apaixonou-se perdidamente. Era carente já por natureza. Viveu aquele amor com toda fibra do seu ser. Do âmago mais profundo. Acontece que Ronaldo, era um cara confuso: A mesma hora que queria, desista, quando parecia tudo bem, entrava em depressão... e outras neuras mais... 
Com tanta indecisão, ela deu um basta! Só não sabia que estava grávida.
Quando descobriu e contou a ele, veio à tona o outro caso que ele tinha.
- Então é isso seu canalha! Olha Ronaldo, eu te amo mais que tudo mais não sou obrigado a suportar chifre não. Esqueça que eu existo  e que um dia te amei.
Virou às costas. Voltou-se novamente:
- E tem mais eu estou esperando um filho teu. Mas vc nunca vai conhecer; pois vou sumir.
Ele levou um susto:
-Espere Jocasta! Vamos conversar! Você é a mulher que amo!
Ela ignorou. Sofreu demais, chorou o suficiente para encher  uma banheira. E foi-se embora. Queria uma vida nova.
Anos depois descobiu que Ronaldo que sofrera um acidente. Aquilo a abalou muito. Ainda tinha esperanças de um dia ficar com ele.
Perdera o que mais amara na vida: Ronaldo. Entrou em delírio. Teve febre, colapso nervoso...
Depois de algum tempo começou a ver o filho com outros olhos...

                                               
                05/11/07

Gonçalves Reis
Enviado por Gonçalves Reis em 05/11/2007
Código do texto: T724689

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Gonçalves Reis
São Paulo - São Paulo - Brasil
1155 textos (73679 leituras)
1 áudios (107 audições)
1 e-livros (51 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 17/08/17 20:50)
Gonçalves Reis