Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

                       
Pasárgada?
Rosa Pena

Um pouco mais de açúcar na calda do doce, mais algumas margaridas no vaso da sala. Por pouco tempo ainda terá que colhê-las. Breve nascerá uma árvore delas no assoalho. A luz da rua apagou e os carros começam a passar correndo em suas buscas insanas. Amanheceu e até Gal se calou no CD para esperar Baby, o pequeno príncipe que chega hoje.

Encontrará a mesa posta com a toalha xadrez e sentirá a mistura dos cheiros na casa. Canela na cozinha e alfazema no quarto.

Assim que ele chegar seu olhar ruborizará o teto, seu abraço sôfrego tirará a cor assustada das fachadas encardidas, sua simplicidade fará com que o prédio se encolha de vergonha de sua altivez. Sua voz silenciará as buzinas e os carros fugirão dos meninos com suas bolas de gude. O mar virá até a janela saudá-lo e não vai querer mais voltar. Os relógios darão vez às ampulhetas que não têm a pressa dos ponteiros e essa se esquecerá de descer a areia durante as noites de amor. Afrodite sorrirá cúmplice ostentando sua coroa de flores.

Passarinhos farão ninhos no asfalto e os vira-latas beberão o leite esquecido na porta. Todas as camisas perderão seus colarinhos, todas as campainhas ficarão sem som. Apenas palmas na porta e o carteiro gritando que a carta chegou da capital, que se mudou para onde a ponta do lápis não consegue alcançar.
Hoje Baby chegará quando o sol se pôr e a luz da vela acender. Encontrará uma mulher cor de canela com cheiro de alfazema, numa casinha branca cheia dos sonhos de Bandeira nas prateleiras.

 -Acorda mulher! Não existe papai Noel!
Pasárgada era sonho do Manuel. 

 
 
 
 
                  
Rosa Pena
Enviado por Rosa Pena em 24/03/2006
Reeditado em 28/10/2014
Código do texto: T127879
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Rosa Pena
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
960 textos (1413322 leituras)
48 áudios (24765 audições)
33 e-livros (28998 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 18:05)
Rosa Pena

Site do Escritor