Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A morte e o tempo!

"Eis aqui um papo louco na madrugada de insônia, com um grande Amigo do Coração, vagando pelo mundo de internautas nos encontramos, numa dessas doideiras da madrugada, achei interessante e registrei o fato, com a idéias e pensamentos de ambos...rs...doideira mesmo!"

....Jiraia_///Lindamulher...

-OI
-TUDO BEM?
-Sim, e vc?
-joia!
-Nossa acordo às 5 hs rsrsrs...somos corujas!
-Corujas?
-Não!...eu to mais para morcego mesmo!
-Sim claro, já estou de negro, voar é um pulinho...rs.
-Estou montando um site,de nivel literário e turístico.
-"O CORAÇÃO DAQUELES QUE ESPERIMENTAM O SANGUE HUMANO SEMPRE É NEGRO, TAL COMO A ALMA DAQUELES QUE TÚ TIRASTES DELE".
-Dio Santo! Cabuloso isso!...Filosófica sua frase,colocarei essa frase no site. Nunca tirei alma de ninguem, você tirou?
-Então coloca assim:- "O CORAÇÃO DAQUELES QUE ESPERIMENTAM O SANGUE HUMANO SEMPRE É NEGRO TAL COMO A ALMA DAQUELES QUE TÚ TIRASTES".
-Quem sabe?
-Ah!... tirei a alma do pernilongo aqui na tela do PC
esmigalhado....rs.
-A alma nada mais é que a criação de um ser ainda mais forte e ainda não dominado...à aqueles que entregam a sua para aqueles que o tentam dominar a milênios...quem será o General dessa guerra?...aquele que fez as almas ou aquele que esta comprando-as?
e aqueles que não possuem alma?...onde ficam ?...de que lado da história vais fazer parte?
e aqueles que roubam as almas para vender...terá algum lucro no final...?, mas só no final?
-Putz, melhor não,já sou uma catástrofe, sem alma ferrou!!!... mais tô gostando vai!
-"Alma"...se bem cultivada, um caminho para o criador...e se vendida como troca de passagem para as profundesas...quais os lucros?...quais os arrependimentos?
-Concordo!...quais?
-Não ha arrependimentos..não nos resta tempo para isso...
-Sim!
-O tempo é uma obra divina ou maléfica.
-Verdade!
-O"tempo" é o remedio para tudo...o "tempo" é a doença de muitos.
-Na verdade a lama é natural de todo ser,quando nos damos a ela.
ela nos corrói.
-A morte nada mais é do que um capacho do tempo....
-O tempo é indiferença.
-É o tempo que verdadeiramente domina a morte...
-Não há tempo,há o momento.
-A morte não se atreve a vir antes do tempo...e nem depois dele o momento é o tempo quem faz.
-A morte transcede o tempo.
-A morte é escrava do tempo.
-Creio que nós podemos domina-la ou aprisiona-la, depende da condição mental de cada um.
-Não há condições para a morte...é ela que te dá as condições necessarias.
-Não!... ela instiga você a isso, você só caminha se não há como burlar.
-Errado...o Sr tempo é quem o faz.
-Doença ou interompimento da vida sou fatalidade, posso dominar o senhor do tempo..
-Dominar!
-A morte te carrega no colo para que nada te aconteça...até a hora que o tempo vem e bate o martelo consagrando a vontade da morte que sempre te protejeu dela mesma.
-Já disse, posso fazer meu tempo, ela pode não ter chance de decidir.
-O dominio do tempo é feito por ele mesmo, em alguns poucos segundo que nos dá, uma vez ou outra
o tempo não se faz...ele faz a sí mesmo.
-O que diria então de quem burla o tempo?
-Onde fica e ser, que antes do tempo desfaz de sua vida???
-Não podemos enganar o Sr. tempo...ele apenas fingi que não nos vê...pois sabe quem é tempo perdido.
Ah! então a há uma forma,é nesse tempo, que nosso tempo se faz!
-Até um ser supremo levou algum "tempo" para realizar algo e depois precisou desse mesmo tempo para seu descanso.
-Dizem! Tenho cá minha dúvidas!
-Foi o tempo quem sempre ditou seu rítimo na grande construção de tudo,
mesmo porque o tempo foi curto para isso.
-Mais posso antecipar o meu tempo, dar uma rasteira nele e atrever-me ir a morte.
-Não se antecipa o tempo...pois ele sempre esta a frente de seu tempo...
e a morte sempre ao seu lado.
-Sim!... creio posso querer já, mesmo que ela e o tempo diga não, por isso comento, meu tempo.
-Ás vêzes o tempo lhe faz companhia, mas a morte lhe aguarda no final do caminho...tudo isso a mando do tempo que o carregaste por todo esse mesmo caminho.
-Mais respeito o senhor do tempo e a senhora morte, mais meu tempo e minha morte não se fará nesse momento.
-O que seria um momento..um lápso do tempo?....ou uma trégua dele?
-Seria o agora de mim mesma, tudo que disse o momento eu faço o tempo eu redijo.
-Quem sabe o momento não seria aquela hora em que ele te acompanha para o final....ou apenas uma brincadeira dele?
-Posso esperar ou antecipar com o momento, o tempo espera a morte caminha...
se eu decido antecipar, a morte se faz presente.
-Aí mais tarde terei que curvar diante dela e admitir que quebrei as regras .
-O momento não se antecipa...pois se fosse assim a morte não precisaria do comando do tempo para buscar sua alma.
--O tempo sempre anda..a morte a espreita.
-Cabulosa essa morte!
-A morte o percegue..o tempo te carrega.
-Eitha conversa cabulosa, a tata daria um surra em nós dois...rsrsrsrs
-A morte tenta ludibriá-lo..mas haverá um tempo que até mesmo a morte terá seu tempo de descanso eterno...assim o tempo o quer!
-Ah tá, não haverá mais morte porque ela já morreu????
-Com isso resta dizer que viramos poeira cósmica?
-Até mesmo o grande criador precisou do Sr. Tempo.
--Se o tempo assim quiser.
-Não será o tempo, será o momento !
-O momento nada mais é doque o agora do tempo.
-Se é agora do tempo, eu tenho o poder de decidir meu tempo.
-Jamais pensei em ficar aqui e ter um papo tão interessante contigo, adoro isso, debates de idéias.
-Pois é, "o tempo" passa e não nos permite essas coisas que pensamos, outrora termos tempo para isso???
-Pois é, mais como disse o momento fazemos.
-O momento já existe!
-Sim o já!
-E o momento me trouxe aqui, teclar e debater com você um tempo de cada um, com cancepção de ambos.
-Há um momento atráz, ja é passado, não se recupera esse tempo.
-Mais retrocede-se o pensamento reconstituindo fatos, portanto o tempo vai....rs.
-O tempo é formado por vários momentos...assim como uma doença se espalha e toma conta...assim é o tempo.
-Mais o atráz do tempo também é vivo!
... Sim claro!... mais posso justicar o tempo com minha calmaria ou revolta.
-O tempo não vive...por isso que ele te da um certo tempo de vida..pois ele sabe que sua alma nunca será dele.
-Se calma espero, se revolta antecipo!... nem a minha alma pertence a mim mesma, ela vai onde decide ir
-Antecipar o tempo é dixa-lo a sua frente...ou seja, viver no passado.
-Mais o passado também vive, nada morre tudo continua.
-Ele não tem sua alma...por isso ele dita o tempo para o qual ela será destinado.
-Pois é, eu decido meu tempo.
-Minha alma decide onde vai ou ficar!
-O tempo já esta decidido.
-E alma já está liberta e adorei debater com vc.
-Só o tempo liberta ou aprisiona sua alma...
-Tenho somente 2hs para durmir, alma solta!
-Já é tempo de ir...não ha mais tempo para; ficar!
-Eu posso antecipar porque sou um ser errante que decido o que fazer do meu Eu.
-Não ha tempo para mais nada...há tempo para tudo.
-O que nos resta é aproveitar o momento que o tempo nos deu...só isso!
-Mais há o momento de ser!
-De momento em momento vou vivendo a tempos.
-Ou transgredindo a regras!
-A tempos vivo atráz de um momento.
-A momentos em busca de um tempo.
-O momento que retrocedeu no tempo.
-Tempos sem momentos algum.
-O tempo na aquisição do momento.
-E tempo sem tempo para um momento apenas.
-Momento com falhas do tempo.
-Momentos com tempo de sobra.
-O momento apenas para um tempo sem tempo.
-A sobra do resto do momento, por causa do tempo.
-Um tempo para todos os tempos.
-E um tempo sem razão.
-E todos os tempos em um tempo só!
-Um tempo onde não se há escolha.
-E razão sem tempo.
-Uma escolha sem tempo.
-Um tempo onde não há escolha.
-Me dá um tempo?...rs.
-A escolha de um momento no tempo.
-Um momento no tempo da escolha.
-A mesma escolha de um tempo naquele momento.
-Ou aquele momento, onde pára tempo é eterno.
-O momento naquele tempo de escolha eternamente fica.
-Em um tempo que o momento fica para sempre.
-O eterno, onde o tempo fez naquele momento.
-E o tempo se foi..não há mais momentos.
-Só o que restou do tempo.
-A saudade de quem foi levado por ele.
-Sempre fica o momento onde o tempo se detem, o que o tempo resta saudosamente.
-Depois de um breve momento no qual o tempo não voltará ao mesmo.
-Que se foi fica na saudade, mais nunca no esquecimento porque o tempo não desmascara a lembrança, o momento sempre é breve.
-Momemto esse que já não mais, doque um tempo no passado.
-Não volta mais regista o momento de forma relativa.
-Um passado de tempos em tempos,e o tempo se foi...o momento acabou...a saudade ficou.
-Só nos resta esperar um tempo ou o momento certo.
-Embora tempo no passado tem um momento registrado, por tanto antecipo o tempo
com minha memória.
-Momento este que me despeço depois de um certo tempo.
-Saudade registo de pensamento que nunca se disfaz.
-Aguardando um tempo com um breve momento de reencontro.
-A despedida é palhativa e pois em dado momento regressas trazendo o tempo de volta.
-Por falar nisso...como está o tempo ai ?.....
Aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaahaha.
hahaha.
-Raios! Frio!....
-Putz cara!... Onde fomos?
-Vou nessa!...xau.
-Vá!
-Até outro momento de loucura.
-Ok,.será?
-Xau...beijo!
-Registrarei esse papo,adorei... xau!
-Beijos!
-Vou dormir.
-Eu não!...estou sem tempo!
-Rsrs...
-Rsrsrs...
-Eu também...é por isso que vou....aaaaaaaaaaaaaahaha....
-Obrigada por tão inspirado papo... Amei!
-O tempo passa né?...
-já passou!
-O tempo carregou!


Cláudia/22/11/2005

"Deixei o comentário de meu amigo registrado...rs, beijos"


Últimos comentários
06/12/2005 17h53 - Jiraia
Vou deixar apenas algumas palavras, pois estou sem tempo...aaaaaaahaha...ficou óóóóótimo...valeu mesmo
lindamulher
Enviado por lindamulher em 19/04/2006
Reeditado em 20/04/2006
Código do texto: T141909
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cláudia Aparecida Franco de Oliveira). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
lindamulher
Itirapina - São Paulo - Brasil, 57 anos
1582 textos (129590 leituras)
3 áudios (322 audições)
4 e-livros (303 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 08:39)
lindamulher