Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um conto apenas...

Uma mensagens enviada...
Receio responder...
E mais outra...
Soa-me de forma carinhosa...
Daí a resposta...
Começa uma correspondência...
Algo passa a acontecer...
O costume leva-me a o querer bem...
Sinto a reciprocidade...
Então começo a imaginar os olhos, o sorriso,
o perfume, o corpo, a cor dos cabelos, o tom da voz!
Um dia a voz entra-me nos ouvidos, aproxima-me de ti...
E por acaso sempre que ocorria um contacto, era algo mágico pois conseguia sempre encontrar o dado momento necessário, crucial...
Passa a existir a intensa vontade de conhecer-te pessoalmente... Algo como um desejo de dar e receber um abraço... Partilhar de um grande sorriso ao ver-te, e querendo que este seja um factor determinante no decorrer do teu caminho... Querendo de forma sincera muito sucesso em todos os eventos e momentos de tua vida, no decorrer do caminho que estas a percorrer e que este possa ser banhado pela magia na busca da felicidade...
E a cada mensagem, ou conversa pela net ou por telefone, descubro uma forma especial de relacionar-me...
Procuro encontrar-te através dos e-mails recebidos,porque através destes sempre chegam palavras de carinho, de apoio, de incentivo, de força, de conforto...
Ao abrir as mensagens e ou nas conversas sinto o calor humano, o calor morno, suave tocando-me de maneira peculiar...
Um dia vejo-te ao longe coração dispara...Paixão!? Amor!?
Algo surpreendente...
A Cabeça deixa-se dominar pelo coração, e a razão fica esquecida...
Aumenta a vontade do contacto, "tete a tete", algo de pele...
Finalmente após demasiados contratempos, um grande e marcante encontro... Até o momento da partida...
Um vazio toma conta de mim...
Daí a distância... Que eu e tu tentamos colmatar de diversas maneiras... Mas a distância vem com força... As palavras e mimos arrefecem... Não sinto-te como dantes...
Os pensamentos começam a atraiçoar-me... E concluo que os momentos realmente foram marcantes, fulgaz, mas simplesmente não passa de um alguém caracteristicamente platônico, sendo assim tão somente um Amigo virtual...
E é isso!
Carolzita
Enviado por Carolzita em 01/07/2006
Reeditado em 01/07/2006
Código do texto: T185904

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Caroline Silva). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Carolzita
Portugal, 42 anos
453 textos (61659 leituras)
5 e-livros (749 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 17:00)
Carolzita