Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A RAZÃO E O CORAÇÃO.

O coração fala primeiro de suas intenções,
Então a razão o escuta e o adverte para ter calma.
Impulsivo, o coração o ignora seguindo seu caminho,
Sem que a razão o acompanhe em sua caminhada.
A razão preocupada tenta convence-lo do contrário,
Afirmando-lhe da sua importância para seu coração,
Só que achando que a razão esta errada,
O coração desviava-se dela.
Bem centrada a razão tenta ajuda-lo de qualquer jeito,
Porque ela sabe que o coração pode sofrer muito,
Pagando caro pelos seus impulsos emocionais,
Mas apesar da luta em convencê-lo ela já não o alcança mais!
Neste caso tudo que a razão faz é esperar, esperar e esperar.
Longe de toda coerência e limites o coração começa a sofrer,
E a razão ao observá-lo de longe só lamenta pelo coração teimoso.
Sim... O coração se perdeu em meio a tantas emoções,
Pois impulsivo, ele quis experimentar cada uma delas.
E agora totalmente dominado ele se perdeu, se sentindo sufocado,
Ai numa tentativa louca de centrar-se ele tenta voltar atrás,
Mas é tarde demais, pois ele já esta consumido pela emoção.
Então num súbito arrependimento ele olha para a razão,
Que de longe observa o coração pedindo-lhe socorro,
Então atendendo a seu apelo, a razão se aproxima e lhe estende a mão,
Pois neste momento, somente ela pode trazer-lhe de volta,
A um caminho seguro e tranqüilo...
Pois o coração encontra-se arrebentado pelas emoções.
Mas... Num gesto integro sem pensar muito a razão lhe ajuda.
Estendendo-lhe a mão e mostra-lhe um novo caminho a seguir.
O coração animado dessa vez aceita sua ajuda, e eles voltam juntos.
De repente na volta desta caminhada, o coração lamenta algumas perdas,
A razão sensata sente a dor do coração, e ajuda-o a resolver seus problemas,
Pois nestas perdas, o coração deixou um grande amor pelo seu caminho,
Agora juntos e fortalecidos, o coração e a razão fazem o mesmo caminho de Volta resgatando o amor, a dignidade, a personalidade e a confiança,
Que coração perdera nos seus momentos impulsivos.
Agora com a opção de poder pensar e de fazer as escolhas certas,
Pois desta vez, o coração e a razão caminham juntos na mesma direção.

Moral da história:
“Um coração só pode ser feliz, tendo a razão do seu lado”...
Pois esta lhe dá direitos de escolha, e firmeza na sua caminhada emocional, fazendo as opções nesta vida!”
Portanto amigo... Nunca deixe de amar, mas tenha sempre a razão do seu lado,
Para evitar que o seu coração se perca em meio as emoções ”...

Glaucia Duarte
Enviado por Glaucia Duarte em 19/09/2006
Código do texto: T243722

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Glaucia Duarte
Caraguatatuba - São Paulo - Brasil
1955 textos (250901 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 10:54)
Glaucia Duarte