Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

UMA TRISTE HISTÓRIA DE AMOR

Dizem que o amor vence barreiras. Também acho, mas em casos assim, talvez ele vença algumas mas outras não.

Ela se chamava Mariana. Morava com os pais Amarildo e Patrícia. Jovem, bonita, saudável, ela tinha aproxidamente 25 anos e era uma moça encantadora. Trabalhava com Moda, numa conceituada empresa e era gerente da fábrica. Era uma vida boa a dela, rotina diária cansativa, mas prazerosa.

Não muito tempo, ela entra pra outra faculdade, depois de terminar Moda. Cursando Artes Cênicas, ela conhece na sua turma Wellington. Aparentemente tranquilo e saudável. Os dois se conhecem melhor e em não muito tempo, começam a se relacionar. Parecia uma linda história de amor a dos dois. Todos que passavam na rua e viam os dois de mão-dadas achava bonito, já que Mariana era bem conhecida na cidade.
  Passa-se mais uns meses e Mariana apresenta Wellington a sua mãe e seu pai. Depois de dar a bênção os pais ficam em dúvida em relação ao jeito quieto e tranquilo do rapaz. Mesmo suspeitando, os pais esquecem o assunto. Mais tarde, Wellington leva Mariana à sua casa para apresentá-la a seus pais. Os pais Línea e Roberto aprovam o namoro e dão a bênção. Mas nesta casa, a história de Mariana e Wellington mudaria rapidamente. Faltava uma pessoa para Wellington apresentar à Mariana: era Caio. Quando Caio e Mariana batem os olhos uns aos outros, se apaixonam à primeira vista. Os dois disfarçam e se cumprimentam.
Passa-se uns dias e Mariana tem mais e mais contato com Caio. Num destes dias, Mariana vai sozinha à casa de Wellington e bate palma. Ao sair lá fora, Wellington desconfia e diz por que ela estara ali sendo que eles combinaram outro dia para sair. Mariana diz que veio sair com Caio para estudar. É aí que bate o primeiro ciúme de Wellington na relação. Ele disfarça e deixa os dois saírem "para estudar". Também apaixonado por Mariana, Wellington chora, com a possibilidade de perder a amada.
E lá na casa de Mariana, ela e Caio estudam, mas num destes estudos, eles acabam se beijando e um diz o que sente pelo outro.
Cada vez mais apaixonados e se envolvendo, os dois decidem começar a se encontrar escondido, pois Wellington já havia erguido a voz a ela, por ciúmes. Mas Wellington segue os dois, e quando vê Mariana e Caio se beijando no escuro, escondido, vem a fúria do traído. Wellington desperta um ódio imenso dentro de si. Fora de si, ele caminha aos dois e começa a espancar o irmão, enquanto Mariana chora lágrimas e lágrimas. Após dar uma surra no irmão, ele promete matar os dois. Caio machucado, diz que vai revidar caso o irmão venha a fazer algum mal a eles.

Depois de passar um tempo, e os irmãos dormindo em lugares separados, Mariana estava tranquila na sua casa, quando lhe veio a notícia de que Caio teria matado Wellington e se matado depois duma outra briga. Horrorizada e sem chão ela se desespera. Mariana, não vendo outra opção, pula do sobrado, suicidando-se por amor a Caio, que destruiu o coração do irmão Wellington.

Sabemos que esta história é inventada, mas reflete o dia-a-dia do nosso Mundo, não é? Comentem o que acharam da história. Abraços do autor!
Lucas Vinícius
Enviado por Lucas Vinícius em 11/11/2011
Código do texto: T3329291

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Lucas Vinícius
Guapiaçu - São Paulo - Brasil, 22 anos
156 textos (34049 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 22/10/14 23:40)
Lucas Vinícius



Rádio Poética