Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Um Perfume Inesquecível...



Ela tinha acordado atrasada, tinha que tomar banho correndo, ou a dona da floricultura
iria ficar esperando.
A festa seria no sábado e ainda não tinha resolvido esse item, depois que tinha dado errado com a outra floricultura.
Daniella gerenciava um grande buffet na sua cidade, estava acostumada com improvisos, mas essa festa era especial, a cidade comentava sobre ela.
Tudo tinha que sair perfeito, mas o atrito com a floricultura que estava acostumada não estava no programa.
Estava no final do banho pensando em tudo isso e ao puxar a toalha do cabide veio junto o frasco daquele perfume maravilhoso que tinha comprado em Paris, daquele perfumista famoso... feito só pra ela com os aromas que aquela mulher encantada tinha dito era seu cheiro mágico...
Ah!! Droga... cheiro mágico....
Agora estava ensopada daquele cheiro... um excesso, porque tinha que estar tão atrasada?
Porque tinha que ter esquecido esse perfume aberto... e porque ainda por cima tinha que virá-lo todo de uma vez assim...logo agora com toda essa pressa....
Bem agora não dá tempo de reclamar... os minutos correm...e ela está atrasadíssima.
O jeito é ir embora assim... outro banho pra tirar o excesso impossível..não há tempo, vai assim mesmo...ainda bem que é um aroma silvestre de flores do campo...é suave........
Bem, Deus queira o transito esteja transitável, e não o caos rotineiro...
Precisa parar com essa dor... com essa insônia constante..isso está começando a atrapalhar sua vida...maldita dor de amor..porque tem que ser assim!!!???
Vamos, vamos... Daniella... você está atrasada...agora não é  hora pra lástimas...só falta chorar agora...olho vermelho de choro não combina nada com os negócios... vamos... vamos...bola pra frente!!!
André adorava a floricultura, adorava lidar com as flores... suas cores..seus aromas...mas lidar com o publico ou mesmo com algum cliente em especial, não era o que gostava, deixava isso sempre para sua irmã, ela era bem melhor nisso.
Ele não era bom de papo,  esse negocio de ter que ficar conversando sobre tudo até chegar nos finalmente não era com ele.
No seu negocio quase sempre é assim... a pessoa fala, fala...devaneia..até chegar a conclusão de qual flor vai querer pra combinar com as toalhas, a cor da roupa ou a cor do ambiente.
Ele gostava de lidar com as flores... com as suas combinações entre si...o perfume que ficava no ar com a mistura de várias delas...
Com a linda visão de todas em vasos grandes, esperando pra se tornarem lindos arranjos!
Como eram lindas... sentia-se um mago transformando todas depois em belos arranjos...
Adorava seu trabalho...
Bem mas hoje seria necessário atender essa cliente, Vânia estava viajando e a sua gerente que era muito boa também em lidar com os clientes não poderia atender essa.
Bem, fazer o que... simbora...vai encarar...eita segunda- feira...pra variar..transito...buzina...congestionamento logo já na manhã de segunda...sem reclamações...vamos lá “Sr.André”.
Ainda bem que pelo menos a reunião era na floricultura, não precisava ir até a zona sul a essa hora....
Daniella estava no transito maldizendo a hora que disse que iria até a floricultura...
Se tivesse marcado no buffet pelo menos já teria chegado, agora estava no transito quase atrasada... mas ainda estava na hora e tudo daria certo...”relaxa minha filha”...hoje ainda é segunda e você tem uma semana inteira cheia...por isso relaxa..sorria..ouça a musica...relaxe!!!!
Chegou... perguntou ao menino que ficava  na recepção onde ficava o escritório, tinha marcado com a D. Márcia..
Estranhou duas coisas, a cara que o rapaz fez pra ela, jeito estranho de olhá-la como se estivesse sentindo algo...sei lá...
Depois disse que D.Márcia não estava que ia avisar Seu André... e saiu olhando pra ela de uma maneira estranha,  meio encantado....
André mandou que a pessoa entrasse, e se preparou para recebê-la com um sorriso forçado, preferia estar lá atrás vendo se as flores que deveriam estar chegando estavam todas em ordem... não gostava de deixar isso a cargo dos funcionários...tinha a impressão que só ele sabia ver se tudo estava em ordem...adorava lidar com suas amigas flores...
Lindas, delicadas, perfumadas... incapazes de trair..de serem falsas....
Bem vamos ao dever...
Meu Jesus que é isso que está sentindo?!
Que perfume embriagador e delicioso é esse?
Parece que um caminhão das mais deliciosas flores está entrando na sala...
E esse aroma vem acompanhado de uma linda e sensual mulher que lhe sorri nesse instante, lhe dizendo bom dia!
Nossa parece que a tal D.Márcia, se transformou em um lindo homem de aperto de mão firme e másculo... será que hoje é segunda-feira?
Será que eu estou trabalhando?
Será que eu ainda não acordei?
Será que não vou me atrasar?
Bem... para mim..mera narradora dessa história, acho que devo concluir que
o tal do cupido acabou de acertar em cheio sua flecha... mira certeira...!!!
E Viva o amor!!!!!
Viva as coincidências da Vida!!!!
cleia
Enviado por cleia em 18/10/2007
Código do texto: T699428
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
cleia
Itupeva - São Paulo - Brasil, 62 anos
529 textos (32972 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 20/08/17 01:45)
cleia