Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Amores rotineiros

Renato trabalha como executivo de uma empresa de grande porte na cidade vizinha da capital,onde reside com sua família.Os 120 quilômetros tornaram-se rotina diária,sai às 6 horas da manhã e retorna às 19h,quando há reuniões extras,prefere pousar num dos hotéis da cidade.
Conservador, mantém  certas manias, provenientes da época em que fazia parte da Marinha ;hoje, oficial reformado, executa  ainda sua função com o mesmo rigor e sobriedade tão inerente aos longos anos de disciplina militar.
Em um dos inúmeros eventos em que se obrigava a participar conhece Paula, funcionária de um órgão público, e  em consequência de interesses comuns tornam-se amigos.
Detentor de uma vasta cultura encontra em Paula,boa ouvinte, uma parceira com quem troca idéias e opiniões sobre o mercado de trabalho bem como sobre assuntos literários e filosófico.
Entusiasmado, Renato  oferece e pede a Paula que leia o Cântico dos Cânticos, que segundo ele,é o mais perfeito hino ao amor. E assim as conversas entre os dois, ao telefone, tornam-se mais "íntimas", porém com com certo distanciamento; até que um dia, Paula resolve terminar o seu curso de pós graduação  na capital,nos finais de semana.
Ao saber da decisão, Renato oferece carona para ela, afinal ele viaja sozinho e uma boa companhia, segundo ele seria bem vinda.
Sexta-feira ,Renato vai buscá-la em casa e conversam amenidades durante todo o percurso  até que, ao chegar em frente ao apartamento da amiga da Paula, ele suspira e diz:
-Venci a tentação, graças a Deus!
Paula acha graça, e lhe dá um beijo no rosto ;combinam o horário  da semana seguinte ,pois ela estará ocupada realizando trabalhos externos.
Os dias transcorrem rapidamente, e novamente os dois seguem para a capital juntos; porém, há no ar um clima diferente,Renato a observa e segura a mão de Paula que
sorri, sentindo o aperto e a ansiedade dele.
A energia dos dois é tão forte que acabam parando em um motel nas imediações da cidade, dando início a um romance entremeado de emoções e sentimentos de desejo e amor.
E assim prosseguem nessa aventura, descobrindo a cada semana, os seus sentires, numa cumplicidade e compreensão só no olhar,em que as palavras perdem seu significado.
Momentos de paixão, momentos de extrema ternura, até que um dia, a empresa de Renato se transfere para o nordeste e,
ele, como um dos sócios majoritários se obriga a gerenciá-la.Despedem-se com mil juras de amor e promessas .... promessas que aos poucos se perdem na linha do tempo e definham cada vez mais aos poucos...
A distância altera o rumo de uma paixão , de um amor que chegou à plenitude e se perdeu, como muitos amores que se perdem pela vida afora......
Lahaina
Enviado por Lahaina em 12/09/2006
Reeditado em 25/08/2015
Código do texto: T238516
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Lahaina
Curitiba - Paraná - Brasil
1141 textos (39650 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 17:56)
Lahaina

Site do Escritor