Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Coisas da Cabeça

Coisas da cabeça

Felicidade é feita de momentos felizes. Assim é a definição das misses, depois que esqueceram o Pequeno Príncipe.
“Você é responsável por tudo que cativa”.
Mas Roberto tivera uma seqüência invejável de bons momentos. Bom emprego, carro do ano, seu time na primeira divisão. A sogra morava a setecentos quilômetros e, aos sábados, a pescaria era de lei.
Dione completava sua felicidade. Mulher linda, jovem e prendada, que jamais lhe dava qualquer motivo para discórdia.
A “poderosa” anunciou com estardalhaço uma nova novela. Os olhos de Dione, grudados na telinha, não passaram despercebidos a Roberto. Parecia hipnotizada pelo anúncio. Todo o dia, às oito, nada mais a tirava da frente da TV. E para desgraça de Roberto, ela passou a se interessar também pela novela das sete.
No começo ele olhava surpreso, mas aí a coisa desandou. Havia uma reprise de uma novela às quatro da tarde e uma outra às seis. Após o meio dia, assistia também a um programa que falava sobre as novelas.
-Isso passa quando acabar a novela, dizia Roberto preocupado.
Esqueceu ele que em outros canais também havia novelas, mas isso ele descobriu tarde demais.
Ela começava às duas da tarde e só se levantava às dez da noite. Eram oito horas seguidas de ausência naquele lar, outrora feliz.
Era demais. Roberto perdia pela primeira vez em sua vida, oito horas de momentos felizes. Reclamou, esperneou, mas nada adiantou. Como desgraça pouca é bobagem, um filme inédito foi anunciado: “Romeu e Julieta”. Ambos assistiram, parecendo que as coisas retornariam ao normal.
À noite, ao chegar do trabalho, ela estava com a janta pronta lhe esperando. Ele vibrou, antecedendo a “noite”. Entre carinhos e sussurros, depois do jantar, ela o convence a ir ao cinema. Demorou pra encontrar um lugar, mas deu pra estacionar. Chegaram ao cinema já com as luzes apagadas. No trailer de futebol, foi que Roberto lembrou de perguntar:
- Que filme vai passar?
Baixinho, sussurrando em seu ouvido, Dione diz:
- “Romeu e Julieta!”
Na quarta vara criminal corre um processo contra uma poderosa emissora por danos morais.
Reclamante: Roberto de tal...
**********

Kia
Enviado por Kia em 03/11/2006
Código do texto: T281223

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Kia). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Kia
Itapema - Santa Catarina - Brasil, 65 anos
106 textos (7479 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 19:21)
Kia