Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A mulher sempre sabe, sente...

Tenho uma sugestão:

- O que acha de usar este azul ao invés do branco? Disse ele.

Ela havia acordado excessivamente feliz. Nos sonhos daquela noite já se via vestida de branco. Levantou-se mais cedo e foi para o banho.

Quando uma mulher acorda sensual, todos os seus passos do dia são perfeitos...

Quando levantou, nua, fez questão de enrolar-se com preciso charme no lençol de seda amarelo, descobrindo o namorado.

Observou-o de cima a baixo e levou os cabelos à frente de forma a cobrir os seios, em seguida, deixou o lençol cair...

Virou-se em direção a banheira, oferecendo a nudez de suas costas ao namorado. Ele, por sua vez, excitado, foi atrás; Dando de cara com a porta do banheiro trancada por uma mulher provocante; e esnobe...

Ao sair do banho foi direto ao vestido leve, branco, deixado propositalmente em cima da cama, vestiu-o sem colocar absolutamente nada por baixo e foi saindo.

-Ei! Você não está esquecendo nada?
- Sim, você vai almoçar comigo hoje não?

Ele não podia, mas não recusaria àquele convite... não se diz não a uma mulher nestes dias...

De quando saiu do prédio até a chegada no banco onde trabalhava, foi perseguida por diversos olhares de ambos os sexos, tamanha era sua felicidade e sensualidade.

Naquele dia, todos os clientes atendidos por ela no caixa do banco, foram de alguma forma contaminados por aquele olhar enérgico.

Hora do almoço. Ela não avisou a ninguém que só voltaria a trabalhar no dia seguinte.

O namorado já a esperava do lado de fora, numa velha picape.

Ele sem falar nada, dirigiu-se a Ubatuba, numa praia, onde em pouco estariam somente os dois, tomando a atitude de, a maneira própria, noivar-se.

Ele a conduziria para a cachoeira e faria seu vestido branco marcar-lhe o corpo, amando-a em seguida.

Tudo seria surpresa se o indivíduo citado, não falasse durante o sono...
Bruno Fernando
Enviado por Bruno Fernando em 01/12/2006
Reeditado em 07/12/2006
Código do texto: T307166
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Fernando Llafer). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Bruno Fernando
São Paulo - São Paulo - Brasil, 34 anos
67 textos (2810 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 13:04)
Bruno Fernando