Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

ESTELA & AMANDA

Sempre amei Estela. Sempre. E quando soube de sua doença, desaprendi a sorrir. Não podia perder a luz de seus olhos, a graça de sua presença. E sofri, como nunca antes. Acompanhei o seu sofrimento, sua luta e estive ali, ao seu lado, chorando junto ou tentando arrumar força em algum lugar.
Acho que foi daí que veio a minha raiva de Deus.
Ele não quis que Estela vencesse. E ela se foi.
Em minha fúria, falei muitas blasfêmias. Gritei sozinha.
Estela não podia ter ido.
Não sem mim.

Penso em ir até ela.
Mas será que Deus me perdoou?
Será que perdoará se...?

Esse revólver tem uma bala. E minha cabeça ferve de medo.
Parto? Permaneço?
O que dirá Estela sobre isso?

(Um tiro cortou a noite. Amanda não quis ficar entre nós. No cemitério, choramos por elas, que eram mais que amigas. E nem sabíamos o quanto...)



James Vidal
Enviado por James Vidal em 24/08/2007
Código do texto: T621760

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (James Vidal). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
James Vidal
Porto Velho - Rondônia - Brasil, 48 anos
101 textos (9794 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/08/17 22:16)
James Vidal