Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Uma noite no inferno

    Passeia repudiar com todas mas minhas forças, as choppadas. Festas ridículas, regadas a cerveja barata, pouco vinho, gumi mal feito, universitários bebados e dispostos a confusão. Uma coisa desnecessária a meu ver, uma vez que pelo preço do ingresso, poderia ser mais bem feita a coisa.
    Fui a convite de uma amiga, eu disse que não iria, porém ela disse que não iria pra ficar com ninguém e eu não ficaria jogado sozinho. Entre prometer e cumprir existe um grande buraco, ela não fez o que disse e fiquei sozinho a festa toda. Paguei ( na realidade ainda não paguei, e pra ser mais franco ainda, estou pensando se vou pagar.) 15 reais pelo ingresso de uma festa porca e mal aproveitada.
    Estando sozinho, vendo que não rolaria mulher, enchi a cara de cachaça. Era o que me restava, o copo foi meu amigo e a bebida o venenno que mataria o tempo. Não me restva muito a fazer, ai como estava p. da vida...Fui a beira do palco para ver um grupo de mulheres bonitas se degradarem ao som de funk, de sainha curta e calcinha enfiada na....dexa p la, detesto funk, porem, adoro as bundas. Essa foi mais uma distração em meio a solidão que me impuseram.
    Passei parte do tempo entre o vendedor de doces e um cara bebado que dormia apoiado na grade, me recostei e fiquei ali estudando  a possibilidade de também ir para os braços de Morfeu, vi que era derrota e desisti.
    A grande pérola que fui buscar,  a morena dos olhos mouros virara resto dos outros, pois, uma centena de dúzias de caras a beijaram. Tanto aprumo, presa de sair do trabalho, do deslocamento da zona sul do Rio a zona oeste, depois a outra cidade, ter acordado as 04:00 da manhã, tudo isso por nada. Que merda foi a noite, não me lembro de evento pior, e o mais massacrante foi ver a cara de feliz da amiga que induzira a ida a tal roubada.
    Ainda tem mais...na volta tem-se que enfrentar as vans cheias, um monte de bebados chatos. ( eu estava bebado, porem, estava  legal) Na van tinha um bevado brincando com o pessoal, e logo começamos a brincar todos. a principio estava tudo bem, mas ai o outro bebado estava ameaçando juntar em mim com um amigo que estava dormindo, apesar da bagunça. De imediato as garotas interviram, eu não iria brigar com ninguém, apesar de estar p. da vida, me pediram desculpas, porém foi ate engraçado. O bebum depois quis discutir relação com a namorada, o amigo que estava dormindo sentou-se a meu lado e pediu desculpas pelo amigo...
    Descemos da van, pegamos carona com o pai da amiga. Cheguei bebado em casa, decepcionado com a amiga e cansado. Tomo banho e vou dormir. Que noitezinha safada...coisas que sol aontecem comigo mesmo, depois ainda levantei duas vezes pra chama o Raul na madruga, eu odeio vomitar...melhor sorte pra mim da próxima rsrsrs
       
Símio
Enviado por Símio em 14/11/2007
Código do texto: T736914
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Símio
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
113 textos (7650 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/10/17 05:03)
Símio