Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

The Isle Of Deadly Shores (A Ilha Dos Vales Mortìferos)

          Por mares em fúria passei e tempestades esfaceladoras enfrentei, como numa Odisséia me vi. Enfrentar o mar e as destrutivas tempestades foi o que decidi. Confiante naveguei, rumo à Ilha Perdida e segui avante.
          Em muitos momentos pensei em desisitir , mas minha cabeça ergui e, com espírito guerreiro e otimista, minha jornada segui.
         Destemido e pronto para qualquer perigo enfrentar, no mar me lancei no desejo de a Ilha encontrar.
          Com meu navio quebrado depois de além tempestades ter passado, com uma Ilha sombria me deparei e lá mesmo, pela minha nessecidade, eu parei.
          No intuito de encontrar madeira e alimento, encontrei um vale tenebroso e sangrento.
          Cada músculo meu foi tomado pelos calafrios do permanecer naquele pesadelo. Tudo que fazia era temê-lo.
          Comecei a correr em direção ao meu navio para dali sair quando me vi a cair, no profundo obscuro de uma fissura.
          Gritei por socorro mas ninguém habitava aquele lugar. Logo, fraco e desorientado, espírito solitários e frios estavam a me guiar.
          De um profundo sono acordei. Um lugar escuro, banhado em sangue com meus olhos contemplei.
          Preso eu estava, por correntes tão cortantes quanto uma gilete, num lugar onde os espìritos sanguinários açoitavam-me cruel e opressivamente.
         Sufocado pela dor eu deplorei, mas as almas, eternamente sedentas por dor, não cessavam seu açoite. Desesperadamente, chorei.
         Das correntes fui libertado, quando num túmulo, decorado por espinhos e  ossos, meu corpo dilacerado foi lançado.
         Atormentado e massacrado pelos espìritos que comigo alì estavam, não resiti e, na  Ilha Do Vale Mortìfero, eu morri....
         Amortalhada por um véu negro, composto por lamentos e ódio, o lar dos atormentados espíritos do mar: Isle Of Deadly Shores.
                                                               
                                                             
Wess Thorns
Enviado por Wess Thorns em 16/07/2005
Reeditado em 01/12/2008
Código do texto: T34705
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2005. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Wess Thorns
São Paulo - São Paulo - Brasil, 26 anos
126 textos (4099 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 05/12/16 08:48)
Wess Thorns