Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Era uma vez umas galinhas sem vida

Trinta e cinco galinhas estavam a procura de setenta cavaleiros para levá-las ao ápice do castelo estranho. Então quando elas chegaram lá, já havia outros grupos de galinhas tomando conta do lugar. Esses dois grupos começaram a brigar, até que só se via penas. O único que restou lá foi um boi, que quando a briga das galinhas começou, ele ficou em seu canto vendo elas. O boi começou a comer as penas das galinhas e foi até o quintal do castelo. Ele cavou um buraco enorme que ia até o inferno, começo a defecar as penas das galinhas e deu risadas escandalosas. Quando terminou de fazer o serviço, foi até seu computador no primeiro andar do castelo e divulgou uma poesia assim:
   
    Ó ser vivos de hoje
    Só andam me perguntando porque o mais forte sempre vence
T a n
Enviado por T a n em 25/06/2005
Código do texto: T27659
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
T a n
Condeúba - Bahia - Brasil, 27 anos
31 textos (2090 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 01:20)
T a n