Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A MORTE (mini-conto)

A morte morreu, bem ali na esquina, sob o olhar curioso do pedestre que passava quase distraído. O menino que mascava chiclete nem se importou. O velho desviou-se da morte, cutucando-a antes com sua bengala de verniz escuro. Automóveis de novo a atropelaram e seguiram seu destino de faróis e buzinas. Na verdade, ninguém deu a mínima para aquela tragédia. Então, meio sem graça, a morte se levantou. E voltou a viver de novo entre os simples mortais. Essa vida é mesmo de morte!
José de Castro
Enviado por José de Castro em 12/10/2007
Código do texto: T691908

Copyright © 2007. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
José de Castro
Natal - Rio Grande do Norte - Brasil, 69 anos
2304 textos (688693 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 24/10/17 04:38)
José de Castro