Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Abril despedaçado


Inspirado No Filme " Abril Despedaçado"



Pacu menino sem nome
Vive o livro a folhear
Sua mente tem é fome
De sonhos se alimentar

Livro que conta de tudo
Enfeita o seu viver
Mesmo não tendo estudo
As figuras sabe ler

Na rotina de gente grande
Sem espaço pra sorrir
É onde o sonho se expande
Num modo de resistir

Denso e rude o destino
Numa aridez de esperança
Busca o singelo menino
Alçar vôo na balança

A liberdade acena
Em cenas lá no papel
Chama que nasce pequena
Se avoluma lá no céu...

Clara, amiga que o presenteia
É anjo que o acompanha
Amiga, sua sereia
A imaginação lhe assanha

De olho no seu irmão
Expressa na pouca idade
Uma enorme devoção
E o anseio a liberdade

Resiste sem o saber
A sina que os aprisiona
Teimando sempre em ler
Historia que o sonho impulsiona


Do livro de tudo a história
Ilustra sua rotina
É herói que na vitória
Ao irmão muito ensina

Toma o lugar do irmão
Na contenda sem razão
que determina a sorte
Enfrenta sem Ter noção
Do ato, a implicação
Que resulta em sua morte

Viver sem livro, sem sonho
Sem Ter a possibilidade
Sem nada realizar
É pesadelo medonho
Escuro e sem claridade
Sereia fora do mar....

Priscila de Loureiro Coelho
Priscila de Loureiro Coelho
Enviado por Priscila de Loureiro Coelho em 11/01/2005
Código do texto: T1458
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Priscila de Loureiro Coelho
Jacareí - São Paulo - Brasil, 65 anos
1286 textos (214503 leituras)
1 e-livros (147 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 28/09/16 15:47)
Priscila de Loureiro Coelho