Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Uma história de amor



Havia uma senhora
Vistosa, bela morena!
Da qual relembro agora
Sua feição bem serena

Trazia no olhar, refletidas
Imagens que se perderam
Esperanças falecidas
Dores que em vão doeram

Sonhou o seu grande sonho
Um amor que se perdeu
E o destino caprichoso
Seis amores lhe cedeu

Era forte, agitada
Distraída, mas valente
Incansável, obstinada
Pelos seus seis dependentes

Essa agradável senhora
Resplandeceu só em brilhos
Cercada sempre de glórias
Cingida pelos seus filhos

Mas havia ainda em seu olhar
Aquela mágoa esquecida
Numa recusa insistente em apagar
A verdadeira Luz da ilusão perdida


Foi aí então que se deu
O milagre da natureza
A vida bem se valeu
De suas seis incertezas

Desabrocharam no mundo
Com vigor e honestidade
Rendendo-lhe um amor profundo
Cunhado em lealdade

Posto que se tornaram
Em seis grandes corações
Na sua vida marcaram
Meia dúzia de compensações

Era o ajuste de contas
De nosso leal Criador
Uniu, afinal, as seis pontas
Numa estrela de amor

Esta brilhou incansável
Respeito, carinho e afeição
Reluzindo de maneira inseparável
Amor, orgulho e gratidão

Assim deu-se a suprema vitória
Desta senhora exemplar
Que traduz em sua história
A razão maior de amar

Esta gentil senhora
De quem falo emocionada
Versando nesta historinha
Atende ao nome de Dora
E é a minha mãezinha...


Priscila de Loureiro Coelho
Priscila de Loureiro Coelho
Enviado por Priscila de Loureiro Coelho em 23/01/2005
Código do texto: T2249
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Priscila de Loureiro Coelho
Jacareí - São Paulo - Brasil, 65 anos
1286 textos (215193 leituras)
1 e-livros (148 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 01:21)
Priscila de Loureiro Coelho