Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS.

Às vezes fico pensando,
Pouco a pouco imaginando,
O tempo todo lembrando,
De muitos anos atrás,
Quando o que interessava,
Era a paz que se gozava,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

Vivia-se com simplicidade,
Sem ganância e vaidades,
Onde a honestidade,
Trazia equilíbrio e paz,
O homem era mais feliz,
Aumentam aqueles que diz,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

Mesmo à luz de candeeiro,
Sem bancos pra por dinheiro,
De homens mais verdadeiros,
Sem porcelanas e cristais,
Os filhos não discutiam,
O que os pais decidiam,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

Velhos tinham autoridades,
Independente da idade,
Falavam com liberdade,
Por ser prudente e capaz,
Não se cometia violência,
O amor era a essência,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

Hoje a ambição e a ganância,
O ódio e a intolerância,
Tem matado a esperança,
Como uma praga voraz,
Neste mundo agitado,
Todos ficam enredados,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

Sei que está tudo trocado,
Faz-se do certo errado,
O impróprio é liberado,
Censura não se vê mais,
É mesmo o fim do respeito,
É errado o que é direito,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

Todos vivem abismados,
Pelo tempo encarcerado,
O mundo desmantelado,
Com o que a ciência faz,
Pelo que já estou vendo,
O homem está se perdendo,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

Ver-se hoje que alguns filhos,
São carros fora dos trilhos,
Às vezes até empecilhos,
Querendo ser maiorais,
Libertinos sem medidas,
Sentem-se donos da vida,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

Multiplicou-se a ciência,
Aumentou a imprudência,
Moral virou indecência,
Em passatempos banais,
Fraudes enganação e treta,
Invadiu todo o planeta,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

Inverteu-se o pai e nosso
O santo virou negócio,
Com mercenários por sócio,
Com as artes de satanás,
Enganam em nome de Deus,
Escondendo os planos seus,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

O que se vê cada dia,
Golpes e piratarias,
Verdade é só fantasia,
Irmãos se tornam rivais,
Presa virou predador,
Caça engole o caçador,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

Foi-se o tempo sem malicias,
Do trabalho sem preguiça,
De ruas sem ter polícia,
Sem filho mandar nos pais,
Onde quarto era aposento,
Do amor sem fingimento,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

Findou vida acomodada,
Tempo de paz na morada,
Onde a conversa tratada,
Cumpria-se e nada mais,
De ser humano prudente,
Dos filhos obedientes,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

Tempos de fé genuína,
Que a água vinha da mina,
E as quadrilhas assassinas,
Não tiravam nossa paz,
O mundo jaz em desgraças,
Gangues mandando nas praças,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

Quando a escola era o lugar,
De quem queria estudar,
Longe do que hoje está,
A mercê dos marginais,
E o professor na verdade,
Tinha pulso e autoridade,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

Tempo que sobrava emprego,
Que ninguém sentia medo,
Em que reinava o sossego,
Nas quermesses e festivais,
Que padre era sacerdote,
Igrejas não tinham rock,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

Quando o pobre Calhambec,
Competiam com charretes,
Não se mascava chicletes,
Revista eram os jornais,
Jovem sempre respeitava,
O que os mais velhos falavam,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

Era mais pura a comida,
As plantas sem pesticidas,
Muito mais saudável a vida,
Sem o mau que hoje se faz,
Com agrotóxicos e hormônios,
Saúde parece um sonho,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

Respirava-se ar mais puro,
Ruas não tinham entulho,
Pobres não tinham orgulho,
Nem se clonava animais,
De amigos verdadeiros,
Que a palavra era dinheiro,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

Hoje a química tomou conta,
Ração com receitas prontas,
Milhões de pessoas tontas,
Pensam que são maiorais,
Tomam sem necessidade,
Com medo de obesidade,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

Com tanta coisa moderna,
Lampião virou lanterna,
Shoppings em vez de tabernas,
Num consumismo audaz,
Onde o pobre abestalhado,
Ficam em dívidas atolados,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

O tempo dos belos dias,
Em que reinava a harmonia,
Das brincadeiras sadias,
Há que saudade me traz,
Hoje tudo está mudado,
Mundo inteiro arruinado,
O amor por ódio trocado,
TEMPO BOM NÃO VOLTA MAIS!

25/02/2011.
CBPOESIAS
Enviado por CBPOESIAS em 25/02/2011
Código do texto: T2815020
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2011. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
CBPOESIAS
Porto Velho - Rondônia - Brasil
1481 textos (107320 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/10/14 18:35)
CBPOESIAS



Rádio Poética