Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

aniversario da minha tia poetisa nega

Vou escrever um poema
Que surgiu da minha mente
Para parabenizar
A campeã do repente
É a minha titia nega
Ela sempre estar presente

Foi essa grande mulher
Que me ensinou a rimar
Nesses meus pequenos versos
Eu vou tentar agradar
Neles eu quero também
A nega homenagear

Hoje é seu aniversario
Muito contente tu ta
Você é a melhor tia
Que existe no Ceará
Por mim você é amada
Vou te parabenizar

To cantando esses versos
Pra minha tia especial
Ela sabe fazer repente
Ela é fenomenal
Vou te parabenizar
Pois você é radical

Minha titia Lucirene
Tu nasceu para vencer
Tu me ensinou a rimar
Eu só tenho agradecer
Hoje é seu aniversario
Parabéns para você

Quando eu recito nega
Um grande orgulho me vem
Vim te parabenizar
 Por que isso me convém
Eu e tu sabe fazer
A sextilha muito bem

Vou cantar para você
Minha titia exemplar
Hoje é seu aniversario
E feliz você estar
Você é maravilhosa
Gosto de ti pra danar

Você sabe rimar muito
Pois foi tu quem me ensino
Tu tem herança do Teixeira
Que era um homem de valor
Vou mandando parabéns
Pois você tem muito amor

Quem sabe fazer repente
É muito improvisador
Na ombreira tem nós dois
Pois nós tem muito valor
Receba meus parabéns
Pois você tem esplendor

Hoje é nove de abril
Essa data é especial
Vou te parabenizar
Minha tia fenomenal
Você é maravilhosa
E é muito radical

Minha querida titia
ES a minha expiração
Eu te amo de mais
Eu te amo de paixão
Você mora em meu peito
Dentro do meu coração

Quando rimar eu começo
Eu não quero mais parar
Quando falo em cordel
Eu começo a adivinha
Rima vem na minha cabeça
E eu começo a cantar

Parabéns para você
Eu dou com minha emoção
Tu me ensinou a rimar
E hoje eu rimo de montão
Tu me ensinou a topar
A burrinha e o boião

Canto versos pra você
Qualquer hora vou falar
Eu não tenho hora pra nada
Só tenho hora pra cantar
Hoje é seu aniversario
E feliz você estar

Você é uma grande mãe
E uma grande mulher
Você é uma bela esposa
E bonita você é
Hoje é seu aniversario
Tu vai fazer o que quer

O seu nome é Lucirene
Uma poetisa de primeira
Você é muito conhecida
Dentro da nossa ombreira
Você é muito amada
Por sua família inteira

Vou te parabenizar
Minha titia querida
Espero que você viva
Mas de cem anos de vida
Nesse bairro da ombreira
Tu nunca vai ser esquecida

Esse penúltimo verso
Desse pequeno cordel
Eu quero te dizer
Você pra mim é um troféu
Você é linda de se ver
E é doce igual ao mel

Esse vai por derradeiro
Pois eu já rimei de mais
Hoje aqui nesses versos
Já provei que sou capaz
Parabenizei a nega
Pois eu sou um bom rapaz


Poeta Whallison
Enviado por Poeta Whallison em 18/04/2012
Código do texto: T3619537
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Poeta Whallison
Pentecoste - Ceará - Brasil
54 textos (3996 leituras)
2 áudios (175 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 23/11/14 12:23)
Poeta Whallison



Rádio Poética