Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A FAZENDA “PICA PAU” PARCEIRA DA NATUREZA

A FAZENDA “PICA PAU” PARCEIRA DA NATUREZA
           Roberto RibeiroEm: 24//08/2003

A fazenda PICA PAU
É bonita com certeza,
Lá está bem preservada
Com capricho e com firmeza,
É um cantinho reservado
Pra se ver a natureza.

Vegetação preservada
Com plantas da região,
São árvores bem retorcidas
Pelo clima do sertão,
E a fauna agradecida
Com tanta preservação.

Pode se ver capivara
Comendo o pasto rasteiro,
Bentivi e sabiá
Gorjeando  no terreiro,
Dá pra se ver tatubola
Fuçando no formigueiro.

Tem um rio de água fina
Que alimenta a lagoa,
Infestada de marrecos
E paturi que revoa,
Um festival tão bonito
Que pra se ver não enjoa.

Ao lado da casa grande
Tem um velho juazeiro,
Sua sombra é um conforto
Para o gado e o vaqueiro,
Nos ramos se encontram ninhos
De canário verdadeiro.

Nos fundos da casa grande
É bonito de se ver,
Fruteiras bem carregadas
Para nos abastecer,
Presente da natureza
Que não posso esquecer.

Tem um partido de cana
Pra se fazer rapadura,
O doce do nordestino
E pra toda criatura,
Para adoçar sua vida
E sair da amargura.

Na subida do serrote
Dá pra ver mocó e paca,
Gato pintado do mato
Perseguido pela gata,
Motivado pelo cheiro
Dos bichos que tem na mata.

Se vê cobra cascavel
Enroscada para o bote,
Esperando suas vítimas
Do ratinho ao caçote,
É a lei da natureza
Que só vive quem tem sorte.

Já no topo do serrote
Dá pro homem contemplar,
Uma vista tão bonita
Que dar gosto de olhar,
E vem logo o pensamento
Que é preciso preservar.

Escrito e postado por: Roberto Sales (Roberto Ribeiro)
 robertocgpb@yahool.com.br/roberto@dr.pb.senai.br
Roberto Sales
Enviado por Roberto Sales em 15/10/2007
Código do texto: T695582

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Roberto Sales
Campina Grande - Paraíba - Brasil, 63 anos
79 textos (32180 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 18/08/17 10:28)
Roberto Sales