Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

zé do pito

pita o zé, cafungando a nega sarambé.
pé sem pé,
pé ante pé.
sandálias de croché, samba no aché.
zé da corda tá fremendo, encostado no pilar,
pra enxergar de esguelha, as grossas pernas do acepipe.
 no galho do cajueiro,
beija-flor espreita sua vez da cantada e do fubá.
roda saia, volta e meia,
pé de meia,
caldo de cana, arrasta-pé.

    gardênia
gardênia
Enviado por gardênia em 19/10/2007
Código do texto: T701293
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
gardênia
São Paulo - São Paulo - Brasil
397 textos (11591 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 21/08/17 17:06)
gardênia