Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A Mensagem Do Natal


A Mensagem Do Natal

Foram tantos os natais que já passaram por mim...! e, para cada natal, as sua próprias emoções e esperanças.
Quantos desejos contidos...!
Os sonhos foram ampliados e adormecidos mas, todos eles buscam acordar num mundo real de felicidade.
Todo natal é parecido porque, não se sabe bem de onde vem, uma força estranha, muito forte e alentadora que percorre cada espaço da Terra, envolvendo as pessoas de todas as raças, de todos os credos e de todas as idades, numa animosidade vertente do calor do amor verdade e, todos parecem estar contentes.
Sinto-me estranhamente invadida por tal energia e participo dessa comunhão entre os mortais, meus irmãos. É um momento de rara beleza, e, no mais íntimo de mim mesma há uma enorme força que se espalha em todas as direções, levando um pouco do que sou para o mundo, permitindo a permuta de sentimentos sublimes. Fecho os olhos do corpo e vejo o Cristo que há no meu interior, então, exulto de alegria ao escutar a sua voz calma, doce, terna e segura que me fala mais ou menos assim: - "Eu vim para servir e para que todos tenham vida em abundância... segue-me..."
A sua mensagem agora, mais do que nunca, ecoa nos meus ouvidos e encanta o  meu coração; sinto que o tempo urge; vejo a cada momento que o Cristo está conclamando a todos, ao ministério do amor e da paz; é preciso erigir o reino da fraternidade entre os homens de boa vontade.
Jesus nasce a cada em cada ser e em todos os lugares deste mundo; no Natal, ele outra vez se transfigura e irradia a sua luz refletindo-se na nossa imagem, que é a própria essência de Deus em nós.
Jesus vem lembrar a promessa que o homem sempre esquece, a promessa de que todos devemos ser irmãos, solidários e que deveremos estar uno com ele. Jesus nos lembra que nenhuma ovelha deve ficar desgarrada e, que o filho pródigo precisa retornar ao lar paterno confiante.
No natal, somos tocados por lembranças esquecidas no inconsciente; no natal essa energia tão pura e tão santa parece a própria força recebida pelos apóstolos no templo, no dia do pentencostes.
No natal somos tocados e tomados pela energia do amor e nos revelamos cartas vivas da mensagem do Rabi da Galiléia; acontece a descoberta do self, o encontro do Eu comigo; é entrada triunfante na glória do Pai, o vislumbrar do próprio Reino de Deus em nós. É a salvação, a plenitude, a real felicidade tão almejada!
É o verdadeiro espírito do natal que ressurge no mundo!...
Que pena que o nosso natal ainda dure tão pouco tempo; que pena que os nossos sonhos ainda estejam tão distantes da realidade e se desfaçam com tão pouco; que pena que a nossa magia ainda esteja num plano tão ilusório... que pena!
Porque tudo poderia ser tão diferente!
Todos poderíamos viver o autêntico natal de Jesus, todos os dias das nossas vidas...
Feliz Natal!

Claudenice Rosário
 
 
Claudenice Rosario
Enviado por Claudenice Rosario em 19/11/2006
Código do texto: T295626
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Claudenice Rosario
Alagoinhas - Bahia - Brasil
54 textos (4435 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 09:43)