Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O passeio

Era um dia normal. Nada de incomum ou surpreendente que pudesse me levar pra bem longe. Porém, no meio da madrugada, meu pai resolve ir sem rumo e destino à praia comigo. Aquele era simplesmente o melhor ímpeto que eu podia sentir na minha retina. Nós estávamos cada um de um lado da janela do carro atirando nossas cabeças violentamente para o vento.
Minhas narinas respiravam todo o ar romântico que vinha daquele lugar. Me sentia tão inocente, naqueles minutos eu ainda não fora corrompido. Só o vento me deixava cheio de nada. E isso era tão BOM!
Até que o vento se encheu de mim literalmente e eu fui parar nas estrelas. Pois de lá posso observar quando quiser aquele momento que não passou de uma lembrança escorregadia, que de quando em quando ...
existencialista
Enviado por existencialista em 20/01/2006
Reeditado em 20/02/2015
Código do texto: T101449
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
existencialista
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 29 anos
97 textos (4441 leituras)
1 áudios (26 audições)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 20:21)
existencialista