Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A beleza do Chico

Numa das poucas vezes em que eu vi o Chico Buarque, bem de pertinho, foi no Centro Recreativo Vinicius de Moraes, no Recreio dos Bandeirantes. Era época de eleição para presidente da República, eu e meus amigos comunistas estávamos lá para um encontro com o candidato do PCB, o Roberto Freire, que discursou sobre um caixote de madeira, eu achei engraçado porque o improvisado palanque lhe acrescia apenas uns 35 centímetros... o que já era muito para roda formada à sua volta por uns gatos pingados e pinguços que ouviam atentamente seu discurso, entres eles eu... só que eu não ouvi nada porque meu ouvidos estavam ocupados em ouvir a figura calada do Chico bem à minha frente, no outro lado do palanquinho... confesso, sou fã... fico boba, fico sorrindo, encantada com o Chico... então não sei sobre o que o Roberto Freire falava, mas dá para imaginar, discurso de político é previsível... mas ver o Chico de pertinho não é! Se eu morasse no Leblon, num apartamento de frente à praia, me vestiria de Januária ou Carolina, e me poria na janela para ver, não a banda, mas o Chico passar. Mas nem todos gostam dele, há alguns que dizem que ele canta desafinado, que as músicas são chatas, que ele é feio... feio?... tem que ser bonito para encantar? Tudo bem quando uma pessoa diz que não gosta das músicas nem da voz de um determinado cantor, é questão de agrado musical, mas porque a pessoa é feia??? Quantas vezes ouvimos frases como: “que pena, tão bonita morrer assim?”... “mas como um rapaz assim tão bonito foi se meter com drogas?”... e por aí vai... então eu pergunto: se fosse a moça feia a “pena” não seria tão sentida?... o rapaz poderia se drogar sem espanto se fosse ele um feio?...
Vinicius dizia que “as feias que me desculpem, mas beleza é fundamental”... frase polêmica, mas acredito que, essa beleza a que ele se refere, é encanto, carisma, aquele “quê” a mais que muda tudo... inclusive prá ele, porque nem todas as mulheres do Vinícius eram bonitas... quantas vezes conhecemos uma pessoa e ela, de cara, não nos diz nada, mas com o tempo ela se revela a pessoa mais linda que conhecemos, algumas vezes nos apaixonamos por causa disso... e geralmente esse amor é mais forte, mais sentido, não é à toa que a sabedoria popular diz que “quem ama o feio bonito lhe parece”, mas algumas pessoas usam esse dito como deboche, ironia... não vejo assim, acho que a beleza não se atém ao traço perfeito, ela também está na voz, num jeito de olhar, na mão e no gesto, mas para isso é preciso enxergar além da embalagem... e me estendendo nesse assunto... me perco do Chico... então volto a ele e digo: prá mim ele é bonito sim... suas músicas são lindas... sua voz perfeita aos meus ouvidos... e sou fã sim! Toda boba!
Cristina Nunes
Enviado por Cristina Nunes em 23/01/2006
Reeditado em 01/05/2007
Código do texto: T102753

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cristina Nunes). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cristina Nunes
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 59 anos
421 textos (32644 leituras)
9 áudios (1002 audições)
2 e-livros (97 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 16:32)
Cristina Nunes