Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

SACO ASSADO.

As mulheres ainda estão reprimidas.
Não falam de suas intimidades.
Pois da minha falo eu.
É um saco prender o saco no verão.
O lugarzinho dele já é quente,
No calor então...
O bicho fica apertado
Numa cueca mal enjambrada
Entre um pentelho e outro
O pinto por cima torto
E lá no fundo do mundo
Obscuramente esquecido
O saco.
Não tem hipoglos
Que dê jeito
Assou tá assado.
Que saco!
jose antonio CALLEGARI
Enviado por jose antonio CALLEGARI em 04/02/2006
Código do texto: T107977
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
jose antonio CALLEGARI
Niterói - Rio de Janeiro - Brasil, 53 anos
475 textos (25267 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 02/12/16 20:19)