Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A CHANTAGISTA

-Querida, já passou da meia noite e eu vou te dar logo os parabéns pelo seu aniversário. Sabia que você é a sexagenária mais bonita que eu conheço?
-Pára de falar mentira, senão, o seu nariz vai crescer mais ainda.
-Bem... Está tudo muito bom, mas tenho que te falar que o nosso filho saiu com o meu carro e não levou os documentos.
-Minha Nossa Senhora!!! Se já não bastassem os acidentes, assaltos, seqüestros relâmpagos... Por que você me contou uma coisa dessas, homem de Deus?!
-Uai! Com quem eu vou dividir a minha preocupação?
Às 4:00h.
-Amor, fui beber água e vi que o moço não está na cama dele.
-Misericórdia!!! Onde andará o nosso  “menino”?!
Às 5:00.
-Ele já chegou, né?! Fala que chegou!
-Infelizmente, não.
ÀS 6:00.
-Pode voltar para a cama, meu bem. O nosso rapaz está em casa.
-Louvado seja Deus!!!
-Para sempre seja louvado!
Daí a pouco.
-Parabéns, mamãe!
-Meu filho, responda-me uma coisa: quando é que você vai crescer, hem?
-Eeeeeeeeeu?! Cres-cer?! O quê que eu fiz?!
-Nada! Você não fez nada! Apenas não avisou que ia dormir fora de casa!
O jovem saiu do quarto dos pais e voltou, em seguida, com um presente.
-Muito obrigada e pensa na pergunta que eu te fiz!
Na cozinha.
-Mamãe, cadê o papai?
-Não sou sua mãe. Você me matou esta noite. Aqui, diante dos seus olhos, está um cadáver de sessenta anos.
-Por favor, sem drama. Por que a senhora não ligou para o meu celular?
-Cadáver não faz isso.
-O papai já se levantou? Ele vai me levar no serviço.
-O que te impede de pegar um ônibus?
-Está bom! Está bom! Tchau cadáver!




Anna Célia
Enviado por Anna Célia em 25/02/2006
Código do texto: T116137

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Anna Célia Dias Curtinhas _ http://annacelia.multiply.com/). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Anna Célia
Vitória - Espírito Santo - Brasil, 70 anos
1158 textos (55245 leituras)
1 e-livros (216 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 07/12/16 18:17)
Anna Célia