Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

A DIALÉTICA DE GODARD

Amado. Odiado. Godard, metralhadora giratória em tempos de nulidades. Contra um cinema imperialista que re-conta histórias alheias conforme convém. A história é sempre contada sob a ótica de quem vence. A guerra. A invasão. Hollywood é um gigante e faz barulho. Mas Godard é maior que tudo isso. Com suas dissonâncias cinematográficas, enquadramentos não-óbvios e aforismos. Não escolhe lado, nem se engaja em discursos de fácil digestão. Sua dialética é clara: prefere rastros de dúvida ao invés de organizar certezas. Quanto mais o cinema se parece – entre si – mais Godard se distancia desse eixo. Amado. Odiado.
Discurso direto.


Wallace Puosso

LEIA MAIS SOBRE O AUTOR:
http://celebreiros.zip.net
Wallace Puosso
Enviado por Wallace Puosso em 21/03/2006
Reeditado em 13/04/2009
Código do texto: T126341

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Wallace Puosso
São José dos Campos - São Paulo - Brasil
42 textos (1362 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 18:26)
Wallace Puosso