Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

CRIANÇAS DAS ESTRELAS

A partir do final da década de 70 e início da de 80 começou a nascer crianças superdotadas em várias partes do planeta. São crianças consideradas verdadeiros gênios e são conhecidas como “Crianças Índigo”, justamente por terem seus chacras e ADN diferentes de outras crianças e também por terem coloração diferente em sua aura, ou seja, a cor azul-índigo. Segundo alguns pesquisadores ligados à movimentos espiritualistas, essas crianças superdotadas vieram ao mundo para promover mudanças na transformação familiar, espiritual, social e educacional da humanidade, preparando-a para se ajustar aos moldes desta nova era.

Do ponto de vista científico, o neuropsicólogo e cientista português, Nelson Lima, “não tem dúvidas que as crianças índigo existem na realidade, embora se deva retirar a carga esotérica, ocultista e religiosa que tentam importar a este”. O certo é que pouco se sabe ainda sobres essas fenomenais Crianças Índigo, mesmo porque, elas passaram a ser conhecidas mundialmente após a publicação dos livros, “The índigo child” e “An Indigo Celebration” de autoria do estadunidense, Lee Carrol, considerado por muitos como o descobridor dessas crianças especiais. Para quem pretende ir mais a fundo na pesquisa sobre as Crianças Índigo, informa-se o site para se adquirir os livros mencionados acima: www.indigochild.com .

Finalizando, esclareço que só passei a me preocupar com crianças superdotadas depois que recebi em janeiro deste ano a visita de meu sobrinho-neto, o Moisés Alves Silva, 7 anos,residente em Jataí-Go, a quem agradeço muito por visita tão auspiciosa, que sutil e inteligentemente foi capaz de mostrar-me o tanto que ele é especial e que veio para nos ajudar a mudar nossa maneira de pensar, que tornou-se  arcaica e obsoleta não condizente com os princípios da nova era e que, por isso também,ele necessita de cuidados especiais em sua formação familiar, escolar e social e, à quem também, peço desculpas pela minha notória ignorância e primitivo despreparo em ter lhe colocado descabidamente o apelido, um tanto quanto pretensioso, de “Mister Bean”. Perdoe-me pela insensatez!

07/04/2006.

Amarú Inti Levoselo
Enviado por Amarú Inti Levoselo em 11/04/2006
Reeditado em 21/04/2006
Código do texto: T137286

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Amarú Inti Levoselo
Goiânia - Goiás - Brasil, 74 anos
91 textos (14585 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 06:16)
Amarú Inti Levoselo