Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

hora H

Comentário Recantual…
16/04/2006 19h08 - Francisco Coimbra
Comento aqui e vai-se aplicar a qualquer poema: a química da alma − na alquimia da escrita − é simples, simples transmutação! Com o seu lado material, o corpo é um Onde, onde a leitura encontra a escrita e vice-versa quando a escrita encontra a primeira letra, palavra, verso... Abraço. Parabéns pela poesia "Páscoa", Muita Poesia!

Comentário via email.
A experiência do teu texto revela perfeitamente uma "ideia de poema" ou a realidade do seu fazer, mas mostra também a diferença essencial entre o poema e a prosa: o poema é a sua forma, depende dela, forja-se nela; a prosa é o dizer das palavras que a compõem e toda a música/musicalidade que em si possam guardar.

{Crónica sumária… resultado resultante… do texto publicado no Dia de Páscoa ontem e dum diálogo escrito sobre a prosa e o verso, ontem ainda. Tendo em comum ter-me ocorrido, na hora …H, juntar os dois deste modo.}
Francisco Coimbra
Enviado por Francisco Coimbra em 17/04/2006
Reeditado em 17/04/2006
Código do texto: T140242
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Francisco Coimbra
Portugal
785 textos (310494 leituras)
37 áudios (39566 audições)
1 e-livros (148 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 09:08)
Francisco Coimbra