Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Diálogo Infantil

Hoje em dia as nossas crianças têm acesso a muito mais informações do que tínhamos na nossa época. Não precisam mais de acreditar em cegonha, Papai Noel, coelhinho da páscoa e tudo mais. Tudo está a um clique da verdade. Elas estão muito mais espertas! E com o estatuto da criança e do adolescente elas são cuidadas e protegidas pelos pais e estado. As crianças de hoje, definitivamente, são diferentes das crianças de outrora.

- Olha aqui. Achei um caracol.
- Legal. Vou procurar um também.
- O que eles fazem?
- Eles não fazem nada... Eu acho.
- Claro que fazem. Você acha que eles ficam o dia todo assim, fazendo nada?
- É claro que não. Eles passeiam, brincam com os filhotes e dançam, lógico.
- Quem falou isso?
- O moço da tv.
- Vamos ver como eles são por dentro?
- Vamos.
- Pega esse lápis aí q eu vou rasgar a barriga dele.
- Barriga! Até parece q ele tem barriga. Ele é todo um rabo.
- Rabo? Um rabo que anda? Hahahahaha
- Hahahahahahaha...
- Hahahahahahahah
- Hahahahaha... Rabo que anda... hahahahaha
- Hahahahaha!
- Ai!
- O que foi?
- Essa formiga aqui me mordeu!
- Ai... Ela tem dente?
- Claro. Se não não ia doer tanto, né?
- É...
- E o que é isso q ela tá carregando?
- Ah! Isso é um espermatozóide!
- É?
- É sim.
- Vamos colocar ela no carrinho para ver se ela vai querer ir a festa do caracol?
- Vamos.
- Festa, festa! Oba! Eu vou na festa do caraco-ól!
- Olá, Senhor formigo. Pode deixar o seu casaco aqui na sala q a festa é lá em baixo, no terraço. Estamos jogando play station.
- Então vamos, doutor caracol, que eu quero logo beber uma isquol.
- Não tem isquol, só tem cerveja e vodka.
- Ah, tudo bem.
- Ixi...
- O que?
- Queria q todos os relógios do mundo tivessem o mesmo horário. Já tá na hora da minha aula de inglês. Tenho que ir.
- Você vai sozinho?
- Não. A minha baba já deve estar me esperando lá embaixo.
- E você volta?
- Essa semana não dá. Hoje eu tenho inglês, judô e natação, amanhã eu tenho francês, basquete e futebol, depois eu tenho terapia, yoga e tai chi chuan. No sábado não posso pq vou ver meu pai de manhã, vou no shopping com minha mãe a tarde.
- E domingo?
- Ah... Domingo não dá. É meu dia da sonequinha.
- Tudo bem. Quando der a gente se encontra.
- Tá bom.
- Tchau, Rodrigo.
- Tchau, imaginação.
Carol Bahasi
Enviado por Carol Bahasi em 22/04/2006
Código do texto: T143514
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Carol Bahasi
Belo Horizonte - Minas Gerais - Brasil
21 textos (7428 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 10/12/16 03:23)
Carol Bahasi