Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Saradão
Rosa Pena


"Sou playboy, filhinho de papai
já era debilóide, agora fiquei mais"
Gabriel ..O pensador


Bombado...,você encontra aos montes por aqui.
Sempre preocupado em estar vitaminado,não dispensa um açai.
Desfila pelas ruas, frequenta as praias da zona sul,
sempre acompanhado do famigerado pit bull.
Assusta as criancinhas, faz correr as velhinhas...espaçoso e arrogante,
esse debilóide ambulante.
Consegue tirar do sério até o cachorro vira-lata Tiririca
gente boa...calmo como ele só, neste momento....se irrita.
O sarado.Saradão.
Usa sungão e se acha o fodão.
Esqueceu que a sunguinha é que dava tesão.
Corpo definido, cabeça de camarão.
Não sabe quem descobriu a penicilina,
mas tem curiosidade em tudo sobre adrenalina.
Não sente necessidade de namorada ,
o negócio é dar porrada.
Mulher ele gosta pra desfilar, e nem precisa ser faceira
bom mesmo é aquela com o corpo da feiticeira.
Quando encontra outro debilóide, a conversa fica no..e ai..
recebe de volta..tá e ai...ali...ficamos por aqui.
Bombado, esqueceu ou nunca aprendeu o que é ser elegante.
Optou por ter músculos de elefante.
Novamente penso em minha filha, em toda essa juventude.
Triste fico ao perceber, que essa geração não terá o que eu tive.
Magrinhos, gordinhos, baixinhos, barrigudinhos que sabiam me dar carinhos.
Homens fascinantes, que faziam uma mulher estremecer num olhar.
Esses sim...podiam dizer..tá dominado..tá tudo dominado..pois exerciciam com maestria o jogo da sedução.
Agora meus amigos, segura essa do saradão meu irmão!
Aliás, manos!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

janeiro de 2003 


 livro:PreTextos



Rosa Pena
Enviado por Rosa Pena em 19/11/2004
Reeditado em 31/10/2008
Código do texto: T155
Classificação de conteúdo: seguro

Copyright © 2004. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Rosa Pena
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil
954 textos (1389852 leituras)
48 áudios (24755 audições)
33 e-livros (28798 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 25/09/16 16:05)
Rosa Pena

Site do Escritor