Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Mãe, palavra de afeto

Doce feito mel, firme  e forte feito rocha, mãe, palavra pequena de um significo sublime.
Mãe que carrega no ventre, um pedaço de si, acolhe nos braços do amor, contorna a face com ternura.
Mãe que balança o berço no silêncio da madrugada, troca fraldas, ensina a dar os primeiros passos...
Soletra pacientemente cada palavra, até balbuciar algo e receber aplausos, pela primeira conquista.
Mãe, segura firme a mão e conduz o filho a caminhos de luz, ensina a orar a beira da cama.
Mães carregam no colo com palavras de conselhos, explicam e disciplinam com amor, mesmo os filhos que não são biológicos.
Mães adotivas, ato de amor em cada gesto, mães que sofrem opressões, lutam e batalham para dar sustento ao filho.
Tantas mães, que gostariam de receber um abraço, na solidão de um asilo, olhares perdidos sem destino, lágrima quente, desce de repente.
Mães que perderam seus filhos, dor que sangra a alma eternamente, mulheres que gostariam de ser mães...
Mães, que tomam a frente, superam desafios, conquistam o mundo com seu jeito diferente.
Mães, amigas, que sofrem junto, doam-se em ato de amor, acordam na calada da madrugada, preocupadas...
Mães rainhas, não perderam o brilho da juventude, glamurosas e poderosas, espelho para futuras gerações.
Mães que são alegria pura contagiam com seu estado de espírito a todos ao seu redor.
Mães que gostariam de receber nesse dia, um simples “perdão", um aperto de mão, tantas são as adversidades da vida, muitas vezes temos que escolher atalhos, nem sempre corretos...
Mas a certeza que querer sempre o bem!
Mães que sofrem humilhações, não sabem o que é receber um carinho, perdem a vida pelos filhos.
Mães que abortaram seus filhos...
Por que não tinha o pai, como apoio, diz o ditado popular:
- filho assumido!
- Pai sumido!
Sei que nada justifica, mas sei dizer... A falta de amor resulta nisso.
Mãe, palavra de afeto!
 


Escrito
13.05.2006

Por Águida Hettwer
 
"Dedicado a todas as mães, amigas e companheiras de todas as horas e principalmente a minha mãe".

 beijos Águida







Águida Hettwer
Enviado por Águida Hettwer em 13/05/2006
Código do texto: T155193

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre a autora
Águida Hettwer
Sapiranga - Rio Grande do Sul - Brasil, 42 anos
1259 textos (116479 leituras)
15 áudios (2138 audições)
6 e-livros (2257 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 17:59)
Águida Hettwer

Site do Escritor