Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O CORAÇÃO E A RAZÃO

A Razão muito cheia de si e orgulhosa por se achar sempre certa, se encontra com seu o coração e pergunta. Por quê você bate tão fraco e amargurado? tenho observado que você está muito triste.
O Coração responde, é verdade, minha missão é muito difícil, afinal sou o responsável pelos sentimentos e ainda tenho razão.
Como assim? pergunta a razão, você entende de sentimentos, mas quem sabe sobre certo ou errado sou eu, por isso sou a razão.
Muito embora o coração estivesse triste e abatido, ele era um coração sábio, e responde prontamente, você fala isso porque não quer ouvir o outro coração, você conhece um pouco sobre mim, mas não conhece nada sobre o coração dela, vá e ela te explicará porque ando triste e amargurado, então verá que tenho razão.
A Razão muito prepotente, vai até ao outro coração. Antes mesmo de falar qualquer coisa, o coração dela fala, seja bem vinda razão, sabia que viria.
A Razão então fala, sabia? sabia como? por quê?
Você é a razão e não deixaria o seu coração bater tão triste, tão fraco e tão infeliz, você sabe que ele está sofrendo.
É verdade fala a razão, por isso estou aqui, meu coração disse que você me daria explicações sobre o que está acontecendo, disse até que ele tem razão.
O Coração dela por ser um coração feminino, com certeza é um coração mais sensível, então começa a explicação. O Seu coração falou-me a respeito do amor que sente por mim, e eu correspondo a esse amor, chegamos a conclusão que não conseguimos mais viver um sem o outro, quando estamos afastados nós não batemos, nós apanhamos.
A Razão interrompe o coração e fala, tá tudo errado, o meu coração sabe que ele está ocupado.
 É, realmente ele está ocupado diz o coração, ele me falou, disse que precisa urgentemente retirar o que está ocupando o seu coração, disse que há muito tempo a tristeza, a angustia, a infelicidade e o desamor, habita o seu coração, e com a minha chegada ele percebeu o quanto pode ser feliz.
Outra vez a razão fala, meu coração está errado e não tem razão; e você coração cade sua razão? O Coração responde, está no seu devido lugar, mostrei-lhe que onde habita o coração, a insensibilidade da razão, tem que sair, porque chegou o mais nobre de todos os sentimentos. O Amor.
Então a razão para, pensa, faz uma analise de si mesma e chega a conclusão que tem que se retirar. Porque o coração tem razão que a própria razão desconhece.    
nrpoeta
Enviado por nrpoeta em 22/05/2006
Reeditado em 14/11/2011
Código do texto: T161043
Classificação de conteúdo: seguro
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
nrpoeta
Rio de Janeiro - Rio de Janeiro - Brasil, 59 anos
73 textos (7091 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 04:16)
nrpoeta