Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Cultura Capitalista

 Hoje perdi algum tempo da minha noite vendo um programa sobre cultura pop, o típico programa que mostra a realidade de poucas pessoas e o sonho de muitas. Nele podíamos “morrer” de inveja das esplêndidas mansões dos artistas, verdadeiros templos de adoração ao dinheiro e a soberba, calma meus amigos não comentarei dos outros pecados capitais.
 O inacreditável não são as mansões, mas o que eles devem fazer com 40 banheiros, 50 quartos, piscinas com fundos de diamantes, etc. Eu mesmo tive milhares de idéias para tantos quartos e aposentos, mas prefiro não baixar o nível neste meu texto, pelo menos neste não.
  E sabe o que é pior na história?? É que tudo não passa de competição, o famoso hábito do ser humano de mostrar-se superior, “sou melhor que você”, “eu posso mais”, “eu tenho mais”, “meu pai é melhor que o seu”, etc.
  Mas quem alimenta estes monstros sedentos por dinheiro e por mansões?? Somos nós... O nosso ego, nosso sonho de ser igual... “Igual nada, melhor!!!” Afinal quem não quer ter a mansão do Mel Gibson, o dinheiro do Bill Gates, entre uma infinidade de outras vantagens maravilhosas que nos vende a mídia pop?
  Muitos podem estar pensando agora que meu texto é apenas um desabafo de um pobre sonhando por sua mansão, mas é não é verdade, também estou pensando nos carros e na fortuna, afinal não é este o sonho de todo capitalista? Não é o sonho de todo aquele que pensa em ser bem sucedido na vida? Ou alguém pensa em ser feliz?? “Prefiro o dinheiro, depois a felicidade eu compro!!!”
  O triste da história toda é que eles têm dinheiro, eles podem tudo, inclusive gastar tudo o que ganham com bobeiras e vontades do seu monstro interior sedento por extravagâncias.
  E as pessoas que nem mesmo tem onde morar, nem o que comer e muitas das vezes nem mesmo um sonho? Estas não têm nem dinheiro para chegar perto das “estrelas” e com toda certeza não passam de um quadro com uma fotografia que algum artista comprou por milhares de dólares, nada mais...
  Mas agora não me atrapalhe mais, pois estou escrevendo a letra da próxima canção que venderá milhões de cópias e me transformará no próximo milionário da hora... “Minha tão sonhada mansão...”

Crônica Registrada (Respeite o Direito Autoral)
Fábio Heinen
Enviado por Fábio Heinen em 20/06/2006
Código do texto: T178870
Classificação de conteúdo: seguro

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (Cite o nome do autor e o link para a obra original). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre o autor
Fábio Heinen
Petrópolis - Rio de Janeiro - Brasil, 34 anos
144 textos (35611 leituras)
3 e-livros (484 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 10:28)
Fábio Heinen