Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ruas em Minha Vida




As de minha infância lembram época feliz, com poucos brinquedos, mas muitos folguedos na calçada. Possuíam mistério, encantamento. A casa simples, com porta e duas janelas. A rua era normal e natural era haver árvores nos passeios, em que o corte antes do inverno, deixava galhos pelo chão. Brincávamos até o dia findar em crepúsculo cor-de-rosa. Entretidos, nem percebíamos o por-do-sol, pois a felicidade pairava a ocupar as mãos e o peito. Nos domingos, a diversão da família era o passeio à rua da Praia para  admirar vitrines multicoloridas. Caminhávamos do Bonfim à rua dos Andradas, sem susto, sem medo. E de que teríamos receio? Ladrões roubavam ricas mansões, não nós, basbaques a admirar a profusão nas vitrines.  A novidade por entretenimento. Alegres pelo simples estar juntos. A cidade acolhia e a rua representava O espetáculo das formas, das nuances. Promessa em elipse para o futuro. E hoje me pergunto: O que nos aconteceu?


Marluiza
Enviado por Marluiza em 25/06/2006
Código do texto: T181957
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Marluiza
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil, 72 anos
45 textos (1651 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 04/12/16 04:35)