Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

Ah! os bons tempos...


Ah! os bons tempos...
 
 
Estava recordando os  domingos quando a gente deixava a vida nos levar...
"...Domingo...daqueles quentes como sempre eram todos os dias da semana,
o domingo era especial, tinha a matine...no cinema tinha ar condicionado, assim se passavam quase quatro horas sem suar, porque eram duas sessões, da uma hora e das três horas  e ninguém admitia perder a oportunidade de fingir assistir aos bang-bangs e namorar no escurinho, driblando o chato do lanterninha que insistia em incomodar na melhor parte.
Ir ao banheiro era uma das melhores partes, além do namorar claro, lá era uma verdadeira sala de fumaça, todas fumavam desesperadamente e fofocavam sem parar. -Será que os meninos iam até a porta pra escutar?...penso que sim...ainda quero perguntar sobre isso.
Naqueles anos sessenta, inicio dos setenta a matine era passeio obrigatório, sem dispensar a sessão das oito, que depois de ir para casa, todos voltavam ao cinema, mais namoro, mais cigarros, mais chato o lanterninha, agora os filmes, sei lá...nem me recordo...
Naquela época não tinha pipoca no cinema, era bala e chocolate, refrigerante, nem pensar; pipoca era só no pipoqueiro da esquina que normalmente a gente comprava quando ia pra casa, mas antes, uma passadinha pra um sorvete.
Depois pra finalizar o "grande dia" o melhor, voltar pra casa de mãos dadas com o namorado; naquela época não tinha ficante, era namoro mesmo.
Ah! e os beijos e amassos no escurinho do muro antes de entrar...os melhores...rs...rs..
Quanto se esperava pelos domingos nas pequenas cidades interioranas!
Ah...tempo bom que não volta; tempo que deixou muitas recordações e saudades....
 

Jataí.Go
02.07.06
Cassia Vicente
Enviado por Cassia Vicente em 02/07/2006
Código do texto: T186235

Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, fazer uso comercial da obra, desde que seja dado crédito ao autor original (Cássia Vicente- www.cassiavicente.com). Você não pode criar obras derivadas.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Cassia Vicente
Jataí - Goiás - Brasil, 58 anos
943 textos (56865 leituras)
8 e-livros (762 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 06/12/16 12:36)
Cassia Vicente