Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

As eleições e as tendências 

     As últimas pesquisas já começam a mostrar um declive de Lula, que deve ainda continuar sensivelmente quando todos os candidatos iniciarem suas divulgações na mídia. 

     Não tenho duvida que este declive nas pesquisa de Lula, se deve aos votos que estão sendo direcionados a esquerda que tende a crescer, haja visto que ainda há um grande eleitorado que faz parte da esquerda brasileira. No momento, Heloiza Helena é a legitima representante juntamente com Cristóvão Buarque. 

     Estes dois candidatos tendem à cada vez mais subirem nas pesquisas, e com o crescimento de Geraldo Alckmin que será algo natural, a eleição vai para o segundo turno. Tudo que o PT evitou começa a se desenhar, mesmo com todas as manobras e politicagens eleitorais que fez ao longo do tempo. 

     Hoje é triste de se ver o que aconteceu com este partido que durante anos representou a esquerda brasileira, perdeu completamente sua identidade e pior, se aliou com todos os partidos que jamais poderiam ter se aliado. 

     Hoje o PT é um partido que entrou num rol daqueles partidos intermediários, que não representa uma ideologia e nem é um partido capaz de construir por si próprio. Não é mais de esquerda, nem de direita, nem mesmo de centro. É um partido perdido no meio de tantos. O que lhe sustenta hoje é ser governo apenas. 

     Na verdade como sempre coloquei em minhas crônicas o PT esqueceu que o motivo da eleição de Lula pela grande maioria da sociedade foi a frustração com o governo anterior, porem, ele repetiu os mesmos erros e deu continuidade a política neoliberal. Mas, segundo meu pensamento, o erro crucial que o PT praticou além de frustrar os votos de grande parte do eleitorado, está na conduta ética. E será isto que pesará sem duvida na sua derrota. 

     Numa eleição grande parte dos votos está relacionado ao fator emocional. Esta eleição será atípica de vários anos, pois, a ética estará muito centralizada no voto do eleitor. 

     Lula de certa forma acabou também sendo tragado por toda onda de corrupção tanto no Executivo, quanto do Legislativo. Mesmo que alguns atos de corrupção possa não estar correlacionado a Lula, mas está relacionado ao seu período de governo. 

     O povo parece que não sabe votar, mas estes resultados de pesquisas vêm nos mostrar o contrario. O povo sabe votar e quando as mensagens começam a chegar de maneiras mais emotivas o eleitorado começa a refletir mais com a razão. 

     Um governante ser realizador; ser estadista, embora seja uma qualidade não é virtude. O dever de um homem que entra na política é ter tais prerrogativas de qualidades. Afinal a grande maioria dos homens públicos acaba realizando obras significavas que permanecem pelos tempos, porém a honestidade é uma virtude que poucos têm como a ética e o gerenciamento do bem público. 

     O eleitorado está começando a ser despertado para isto; eleger um governante ético, sério que não rouba e nem deixa roubar, e que, não governe conforme os interesses que lá encontram quando assumem o poder, mas com um plano de governo que seja aprovado e avalizado pelos eleitores. 

     A derrota caso ocorra de Lula é um aviso a todos os que buscam viver da política. Todos aqueles que tenham o dom para esta profissão, que saibam que cada vez mais existem lideranças; existem ongs que estão formando (Educação) os eleitores e a tendência é a depuração dos políticos.
Ataíde Lemos
Enviado por Ataíde Lemos em 18/07/2006
Reeditado em 19/07/2006
Código do texto: T196892
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Livros à venda

Sobre o autor
Ataíde Lemos
Ouro Fino - Minas Gerais - Brasil, 51 anos
5266 textos (1219455 leituras)
5 e-livros (11756 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 09/12/16 15:22)
Ataíde Lemos

Site do Escritor