Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

MEDICAMENTOS... ÉTICOS?!

Já era quase cinco da tarde. Hora de comprar o pão.Saí de casa lentamente(eu queria aproveitar bem o fim de tarde;o dia estava lindo!).Ao lado da padaria há uma farmácia, da qual eu nunca havia percebido a fachada(muito raramente entro em farmácias, e quando o faço é sempre com pressa à procura de algum analgésico).De repente, olho pra cima e vejo: " Farmácia não-sei-o-quê-lá.Medicamentos éticos, genéricos e similares". Como assim?! Medicamentos...ÉTICOS?!O que é um "medicamento ético"? Acaso seria um remédio de família, dotado de belíssimos valores morais? Ou seria um expectorante que sempre pede "Com licença" pra passar e devolve o dinheiro quando o troco vem a mais?
Certamente essas possibilidades são completamente absurdas. Passei o resto do dia inteiro pensando no que seria um "medicamento ético". Como não achei nenhuma explicação plausível, resolvi inventar uma(não sei se plausível, mas é com certeza interessante)e é a seguinte: Esses medicamentos são naturais (e portanto sem contra-indicações). Sua fórmula é composta simplesmente de 50% de ética e 50% de vergonha na cara.São indicados para estágios iniciais e avançados de mau-caratismo, egoísmo, impunidade, falta de senso de justiça e, sobretudo, corrupção e apropriação do dinheiro público, podendo ser consumidos à vontade,sem riscos de overdose.
Nossa!Um remédio como este resolveria pelo menos metade dos nossos problemas subdesenvolvidos.Os nossos políticos bem que poderiam consumir toneladas, e para facilitar teriam três opções:Solução, comprimido e efervescente, assim o tratamento de todos poderia ser feito dia e noite, sem interrupções, no Palácio do Planalto...Até porquê o pessoal lá (não só em Brasília;é uma verdadeira epidemia!) precisa muito, é caso de vida ou morte, não deles, mas nossa! Ah... É verdadeiramente uma pena que o Ministério da Saúde não tenha inventado nada parecido com o meu "Medicamento Ético". Mas até inventarem algo semelhante, nós podemos tentar resolver esse problema de vida ou morte nacional de uma maneira mais tradicional e prática:na urna eletrônica.E assim quem sabe se um dia nós parássemos de eleger doentes em estado terminal, todos sem excessão, poderiam ter também a oportunidade de ir até à padaria e comprar o seu pãozinho.


obs: Segundo o amigo P.Coelho, Medicamentos éticos são aqueles que por lei, não podem fazer parte da mídia de massa, isto é, as propagandas deles, devem somente ser veiculadas nos consultórios médicos,clínicas, hospitais, etc, através de representantes treinados e portanto, habilitados a prestarem quaisquer esclarecimentos aos profissionais da área de saúde sobre o produto em questão.

Samantha Medina
Enviado por Samantha Medina em 31/07/2006
Reeditado em 13/02/2010
Código do texto: T205934

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Samantha Medina
Recife - Pernambuco - Brasil, 30 anos
120 textos (21408 leituras)
1 e-livros (40 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 03/12/16 15:47)
Samantha Medina