Capa
Cadastro
Textos
Áudios
Autores
Mural
Escrivaninha
Ajuda
Textos
Texto

O QUANTO SOMOS TRANSPARENTES

Na areia deixamos nossas pegadas
O mar deixa sua marca nos deixando molhados
O céu lê nossos pensamentos e vê nossos feitos
Nas pedras registramos nossos segredos
Nas árvores escrevemos o nome do nosso primeiro amor
Na terra escondemos os nossos tesouros
Nas conversas sem querer nos entregamos
No silêncio falamos mais que mil palavras
Nosso olhar revela nossas intenções
O mistério que fazemos desvenda coisas escusas
Nosso rosto mostra o que fizemos
A culpa que nos aflige aparece em nosso comportamento
O semblante demonstra a tristeza que não é contada
A dor aparece pelo nosso abatimento
A inveja mostra-se pelo olhar maldoso
A mentira é percebida pela falta de argumentação
O caráter é visto naqueles que mostram ser o que não são
Nossas vidas deixam muitos rastros
Que pensamos que não são vistos
Mas com tudo isso não percebemos
Que mesmo sem querer
O quanto nos revelamos
O quanto somos transparentes...
Maysa Barbedo
Enviado por Maysa Barbedo em 18/08/2006
Código do texto: T219026

Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.
Enviar por e-mail
Denunciar

Comentários

Sobre a autora
Maysa Barbedo
Porto Alegre - Rio Grande do Sul - Brasil
2967 textos (326151 leituras)
7 áudios (1543 audições)
104 e-livros (20164 leituras)
(estatísticas atualizadas diariamente - última atualização em 08/12/16 04:28)
Maysa Barbedo